TRF-4 acata pedido para soltar Lula da prisão

Compartilhe

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, deferiu uma liminar para que o ex-presidente Lula seja solto da prisão.

O desembargador Rogério Favreto acatou o habeas corpus apresentado nesta sexta-feira pelos deputados Wadih Damous, Paulo Pimenta e Paulo Teixeira, do PT. O documento pedia a liberdade imediata do ex-presidente por falta de fundamento jurídico para a prisão dele.

O plantão do TRF-4 confirmou a informação. Os parlamentares estão agora na sede da Polícia Federal tentando fazer com que a ordem seja cumprida.

Lula está preso desde 7 de abril deste ano em Curitiba. Ele foi condenado na Operação Lava Jato por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, sendo o primeiro ex-presidente condenado por crime comum. O petista estava em uma sala especial de 15 metros quadrados, no 4º andar do prédio da PF, com cama, mesa e um banheiro de uso pessoal. 

 

Leia Também Crianças e adolescentes conectados cada vez mais só pelo celular Passo Fundo na rota da operação de combate à sonegação de ICMS Formanda de Direito realiza doação de ração a animais abandonados Dilma autorizada a concorrer ao Senado por MG