ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA

Postado por: Maria Vani Gehlen Ramos

Compartilhe
"Posta-se à vossa direita a rainha, ornada de ouro de Ofir". Salmo 44,10b.
Neste final de semana temos a solenidade especial e carinhosa da Assunção de Nossa Senhora. A mulher que deu o seu sim ao projeto do Criador e trouxe-nos o  Salvador. A mulher humilde, porém, forte, valorosa, corajosa e que soube dar o seu "sim" para que o mundo conhecesse a Verdade e a Boa Nova da Salvação. Neste Evangelho, escrito pelo evangelista Lucas 1, 39-56  nos traz a mensagem de Maria como aquela que soube se doar ajudando a sua prima Izabel e nos deu o exemplo da caridade.
Maria e Izabel duas mulheres de origem humilde e modesta, uma jovem e outra estéril. Mães de Jesus e João Batista porque estavam nos planos de Deus e para Ele tudo é possível. Maria com o canto do Magnificat reconhece a grandeza de Deus e se coloca a Seu serviço. "Minha alma glorifica ao Senhor, meu espírito exalta de alegria em Deus, meu Salvador, porque olhou para mim, sua pobre serva".
Podemos imaginar com que cuidados e carinho Maria se dedicou a sua prima Izabel. Tão logo soube que Izabel, com sua idade avançada seria mãe, foi ao seu encontro, percorrendo um longo caminho, atravessando montanhas durante dias e dias. Queria ajudá-la, ampará-la. Ficou cerca de três meses e depois voltou para casa.
Aprendemos com este gesto de Maria a virtude da caridade. Ajudar aqueles que precisam, sem olhar e esperar recompensas.
Lembrete: continuamos no mês vocacional, sendo que neste final de semana a igreja lembra dos religiosos e religiosas. Que o bom Deus, em sua infinita misericórdia os abençoe. Termina a Semana da Família. Foram muitos os encontros e orações para todas. 
Peçamos que a semana que iniciamos seja cheia de paz e bençãos de Deus, nosso Pai e o amparo de Maria, nossa mãe.

Leia Também 560 mil quilômetros de histórias e contando Negócios da área da saúde e a preocupação ambiental Declaração Universal dos Direitos Humanos As saídas temporárias dos presos