A mais equilibrada Série Prata dos últimos anos

Postado por: Luiz Carlos Carvalho

Compartilhe
O Passo Fundo Futsal/Fasurgs/Valtra Razera perdeu, por ora, a liderança da Série Prata. A derrota em Fortaleza dos Valos acabou custando a perda do posto principal, mas principalmente em função de não ter jogado nesse último sábado, o que deixou o Horizontina na primeira colocação com 32 pontos.  A representante da capital do Planalto Médio está a dividir a segunda colocação com a Abelc, com 31, porém, com um jogo a menos que esses dois concorrentes do pelotão de frente.
Pelo quadro que se estabelece, buscar um bom resultado em Rio Pardo no próximo sábado, 25, contra o Nadas Branco será fundamental. Assim, até poderá ser reassumida a primeira colocação, além de impedir o avanço de outras equipes. O que pesa a favor do Passo Fundo Futsal/Fasurgs/Valtra Razera é que dois confrontos diretos pela liderança serão no Ginásio Capingui, contra Lagoa Futsal e Horizontina.
Chama a atenção o equilíbrio da Série Prata. Mesmo estando na liderança por várias rodadas, com acúmulo de vitórias, nunca foi possível se distanciar muito. As agremiações se reforçaram e a disputa será intensa pela classificação.  A primeira colocação é importante de se atingir para trazer todas as decisões para Passo Fundo. Também se garantir entre os quatro primeiros também é importante. Nunca a distância entre o primeiro e o oitavo colocados esteve tão curta como agora. Isso também valoriza a competição e reforça a importância de os torcedores estarem presentes em grande número nos ginásios, apoiando suas equipes.
Confira como está a classificação:
                                                 PG  J   V  E D  GP GC S  AP


1
Horizontina Futsal321610243532366,67
2ABELC3116101546351164,58
3PASSO FUNDO311594246341268,89
4Lagoa Futsal301693455421362,50
5AMF291685344301460,42
6AGE281591559421762,22
7Nadas Branco27168353435-156,25
8ADCH24167364648-250,00
9SER Alvorada20156275050044,44
10AFF20166284650-441,67
11ATCEL3221021931-224,55
12ASSAF31510142263-416,67


Futebol Gaúcho
Há um desafio para o futebol do interior: iniciar as competições com os estádios em condições. Não se têm conseguido isso na Divisão de Acesso e na Segunda Divisão. Não seria diferente na Copa Wianey Carlet, o que faz com que o carnê passe por constantes alterações. A Federação Gaúcha de Futebol bem analisa esse quadro. É possível compreender todas as dificuldades dos clubes, com orçamentos reduzidos e precisando fazer cálculos e mais cálculos para estar em campo. Por outro lado, existem aqueles que têm seus estádios em condições e que não podem ser prejudicados.
Quando as partidas vão se acumulando, há o desgaste físico e, consequentemente, há o prejuízo técnico da disputa.

No próximo final de semana será a vez de os torcedores do Sport Clube Gaúcho conhecerem seu novo time. Diversos jogadores foram mantidos do primeiro semestre, mas novos foram incluídos. Agora é a etapa de entrosamento, com a aplicação do método de trabalho do técnico Fabiano Borba.  O time periquito foi vencido em Erechim por 3x0 diante do Ypiranga, na última quarta-feira. O placar ficou muito acima do que se verificou em campo, porém representou a força de um elenco mais entrosado e que vem de se manter na Série "C" do Campeonato Brasileiro. O Gaúcho criou boas chances, mas parou nas defesas do goleiro Rodrigo.  
Sobretudo, os dois gols sofridos em dois minutos na etapa inicial acabaram decidindo a partida. Até a rede balançar, o alviverde já havia tido boas chegadas. 
É início de campeonato. Porém, se peverifica que a disputa será forte. O São Borja, adversário do fim de semana, conseguiu empatar com o Ypiranga na segunda rodada por 2x2 em pleno Colosso da Lagoa. É um time valorizado, que acaba de conquistar a Segunda Divisão. Seria adversário do Gaúcho nas semifinais, mas, infelizmente o confronto não saiu. O que passou, passou. É pensar no momento, com um bom time sendo armado pelo Gaúcho. Torcida chamada a apoiar já no primeiro confronto na BSBIOS Arena!


Até a próxima!
Sejam felizes! Vocês merecem!


Leia Também Pobreza de propostas em campanhas eleitorais Alimentos aquecidos a altas temperaturas e risco de câncer Armando, Nicanor e Itamar. Nossa Senhora Aparecida, clamamos por paz!