Golpe: motocicleta negociada pelo WhatsApp vem de SC à 'capital do estelionato'

Compartilhe
No final da tarde dessa terça-feira, 02, os agentes da Agência de Inteligência do 3º BOE de Passo Fundo foram informados pela Polícia Civil do estado de Santa Catarina, sobre uma ocorrência de estelionato na modalidade do 'falso depósito bancário', onde a vítima teria anunciado em um site de vendas, uma motocicleta Honda CRF 230 pelo valor de R$ 11.900,00 e o comprador, que se identificou como Denilson Renan da Silva Vedotto, emitiu um comprovante de pagamento falso e enviou via WhatsApp.
Devido ao fato, a vítima contratou a transportadora para realizar a entrega na cidade de Passo Fundo-RS.
Enquanto o veículo era transportado até Passo Fundo, a vítima se deu conta que caiu em um golpe e fez contato com o gerente do banco que comprovou isso, informando que o depósito nunca existiu.
Os policiais de Santa Catarina entraram em contato com a transportadora e a empresa informou que a motocicleta já estava próximo ao município de Pontão-RS.
A partir do momento em que a motocicleta foi localizada, os militares do 3º Batalhão de Operações Especiais (3º BOE) de Passo Fundo, sob o comando do Major Navarro começaram a monitorar a carga até a entrega, em um posto na saída para Carazinho. 
Quando estava sendo feita a entrega do veículo, os PMs abordaram o recebedor, que se identificou como Juliano Lopes Pereira e afirmou que apenas estava recebendo a moto e não teria comprado. Segundo o suspeito, ele ganharia R$ 200,00 para retirar a moto. 
Devido aos fatos, o indivíduo foi conduzido pelo BOE até a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento para serem tomadas as devidas providências. 
__
Onde tem polícia, tem Bruno Reinehr com a notícia!
Foto: 3º BOE

Leia Também Roubo de celular resulta em prisões na manhã de domingo Acidente resulta em três mortes na BR 386 Disparos e arma encontrada em lixeira no Centro de Passo Fundo PRF lança Operação Rodovida