OUÇA: indivíduos ameaçam policiais em grupos de WhatsApp

Compartilhe

*Após mandar áudios, um dos indivíduos, em prisão domiciliar,foi capturado pela BM*

Vários áudios de pessoas informando sobre as abordagens, ameaçando policiais da Brigada Militar e incentivando outros indivíduos a cometer crimes são constantes em um grupo de WhatsApp.

A Inteligência da Brigada Militar descobriu um grupo de WhatsApp com alguns indivíduos do Bairro José Alexandre Zachia falando mal da polícia, ameaçando jogar miguelitos nas ruas para a PM não entrar na comunidade e efetuar abordagens.

Nos áudios, várias pessoas comentam sobre os brigadianos, chamando-os de “vermes” e outros nomes ofensivos.

A Brigada Militar intensifica o trabalho nos bairros de Passo Fundo e efetua prisões e apreensões diariamente. Com o trabalho da Brigada intensificado, as mensagens de pessoas informando os locais de abordagens e fiscalizações são frequentes.

Nessa segunda-feira, 08, a Brigada Militar, através do 2º Esquadrão, foi até o Bairro José Alexandre Zachia, após ter conhecimento, através do sistema de inteligência do 3° RPMon de ameaças e apologia ao crime em grupos de WhatsApp. A guarnição fez buscas ao indivíduo em todo o bairro.  Através da foto da sua rede social, foi descoberto seu nome. Trata-se de Wagner dos Santos Ramos, que estava em prisão domiciliar, porém estava no momento em um bar, localizado na Rua Maria José Aires, no bairro.

O homem foi capturado pelos militares e encaminhado até a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento.

A reportagem da Rádio Planalto News conseguiu alguns dos áudios que estavam repercutindo nas redes sociais. Acompanhe com exclusividade:

  • Indivíduos ameaçam policiais em grupos de WhatsApp

Leia Também Mulher é detida após furtos em supermercados Brigada Militar efetua prisões em beco da Rua Princesa Isabel 'GTA' faz nova tentativa de arremesso de drogas e cachaça ao presídio Foragido é capturado no Bairro São Cristóvão