Diretório Acadêmico da Imed passa a se chamar Francisco Turra

Compartilhe

 

Alunos de Medicina Veterinária da Imed em Passo Fundo inauguram o Diretório Acadêmico Francisco Turra. A escolha do nome é devido ao empenho do ex-ministro da Agricultura em defender a sanidade na produção de proteína animal.

“É um reconhecimento que recebo com muito orgulho, porque ficará como um legado para todas as gerações da Imed. Eu percorro muitos países e sempre enfatizo a qualidade da nossa sanidade, e os veterinários têm muito a ver com a nossa imagem positiva”, afirma Francisco Turra, presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

Aberto há dois anos, o curso ainda não tinha um Diretório Acadêmico. A aprovação do nome entre os alunos também ocorreu pela representatividade de Turra em todo o setor do agronegócio. “Ele tem vínculo com a área e conhece a realidade dos veterinários porque já foi ministro da Agricultura, preside a ABPA e é aqui da nossa região”, diz o estudante Mateus Lucas da Silva, secretário do Diretório Acadêmico.

Natural de Marau, Francisco Turra é presidente da ABPA desde 2014. Em mais de 40 anos de vida pública foi prefeito de sua cidade natal, deputado estadual e federal, presidente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), diretor de agronegócios da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs) e do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Em 1999, comandou o Ministério da Agricultura. Entre outras realizações, criou programas como o Moderfrota, voltado para o financiamento de equipamentos agrícolas.

Na cerimônia de inauguração do Diretório Acadêmico Francisco Turra, nesta sexta-feira (9), às 19h30, no Laboratório de Metodologias Inovadoras, em frente à Imed, também estarão presentes o diretor Acadêmico William Zanella, o presidente Conselho Administrativo, Claudemir Bragagnolo, e o coordenador do curso de Medicina Veterinária, Deniz Anziliero.

Leia Também Colheita do trigo está quase concluída no RS Segue plantio das culturas de verão Em Dia de Campo, protagonismo do meio rural é ressaltado Preservação do solo é tema de curso na Embrapa