Colheita do trigo está quase concluída no RS

Compartilhe


A colheita do trigo andou em ritmo forte nesta semana, atingindo 90% da área produtiva do Estado, restando 10% das áreas com o trigo maduro e por colher, o que deverá ocorrer até o dia 25 deste mês. À medida que a colheita avançou, as produtividades e a qualidade do produto foram reduzindo. De acordo com o Informativo Conjuntural divulgado pela Emater/RS-Ascar nesta quarta-feira (14/11), há grande variabilidade de produtividade entre as lavouras, variando entre 2,2 t/ha a 2,9 t/ha, dependendo da região. Poucas lavouras apresentaram peso do hectolitro superior a 78. Após as chuvas, a qualidade do produto ficou mais comprometida, com peso do hectolitro entre 71 e 76. Boas quantidades de trigo colhido foram comercializadas na forma de “triguilho”, sendo destinadas à fabricação de ração animal.

Também para os próximos dias deve ser concluída a colheita da cevada, restando apenas cerca de 10% da área, basicamente nas regiões Celeiro e Alto Jacuí. A produtividade está na média de 2.500 kg/ha, frustrando a expectativa dos produtores, que esperavam colher acima de 3 t/ha. Além da redução de rendimento, a qualidade também não atingiu o padrão desejado para a malteação, sendo grande parte classificada como forrageira. O preço referencial para cevada cervejeira é de R$ 40,00/saca de 60 quilos; para a forrageira, R$ 23,00/sc.


Fonte: Emater

Leia Também Soja nasceu mal e pode afetar o rendimento Apassul festeja 50 anos em Passo Fundo Produtores de leite de Passo Fundo aderem ao Programa Boas Práticas da Nestlé Direção da Cotrijal se reúne com governador eleito Eduardo Leite