Intervenção psicopedagógica em crianças com dificuldades de aprendizagem

Postado por: Jennifer Barreto Dalalba

Compartilhe

As grandes preocupações por causa das dificuldades de aprendizagens dos alunos, foi um dos fatores iniciais para o desenvolvimento da psicopedagogia, pois tornou-se um elo importante entre o processo pedagógico e sua compreensão.

A psicopedagogia tem como propósito compreender os caminhos que são percorridos pelo educando, tendo em vista que todo o ser humano tem sua forma de atingir a aprendizagem.

O psicopedagogo clínico realiza investigação e promove possibilidades de transformações sobre os processos cognitivos, emocionais e pedagógicos. Sendo assim, o psicopedagogo torna-se responsável em criar meios que desenvolva e estimule as funções cognitivas da criança que não estão ativas, a partir do estudo da origem da dificuldade de aprender. Este estudo se dá por percepções da família no ambiente social e por encaminhamentos da Escola. E o psicopedagogo ajuda a intervir junto à família da criança que apresenta determinada dificuldade na aprendizagem, por meio de entrevistas e uma analise para tomar conhecimento e ter uma grande coleta de informações da vida orgânica, cognitiva, social e emocional.

Estar atendo a estes dados é muito importante para que o psicopedagogo chegue a um diagnóstico, levando em conta as expectativas em relação ao desenvolvimento do filho, os anseios, os objetivos e sonhos que as famílias possuem neste momento. Todo o trabalho frente ao diagnóstico é um processo contínuo e revisável, e a partir daí a intervenção do psicopedagogo inicia, numa atitude de investigação para logo após a intervenção.

É importante salientar que no processo da intervenção, a investigação, observação e coleta de dados continuam sendo explorados, assim, teremos um quadro de acompanhamento da evolução da criança na sua dificuldade de aprendizagem.

Leia Também Como você mudou! O pastor e o asno RABISCOS SEMANAIS: E, por que não escutar a juventude? Redes Sociais: o lado obscuro da “felicidade”