Safra de soja precisa de mais chuvas para evitar novas perdas

Compartilhe

Dia a dia crescem as especulações em torno da nova safra do Brasil, do potencial que as lavouras do país ainda carregam e, principalmente, com todos os profissionais de olho nas previsões climáticas para os próximos dias. Afinal, algumas regiões produtoras receberam precipitações na última semana, mas com elas ainda se comportando de forma irregular e com volumes limitados. 

No intervalo dos últimos cinco dias, de acordo com informações do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) os maiores acumulados foram observados no estado de Minas Gerais - com mais de 60 mm - quase todo o estado de Mato Grosso e áreas pontuais de Mato Grosso do Sul. 

Já o Paraná - onde a situação é a mais crítica e as perdas na soja as mais severas - registrou acumulados de apenas algo entre 9 a 15 mm, como em Santa Catarina e Rio Grande do Sul. 


Fonte: Site Notícias Agrícolas

Leia Também Presidente da Embrapa visita a unidade de Passo Fundo Culturas de verão são beneficiadas pelas chuvas O futuro da Coprel é debatido na Reunião do Conselho Consultivo Conab estima que safra de grãos será de 238,4 milhões de toneladas