Levar mais público ao Vermelhão da Serra: o desafio!

Postado por: Luiz Carlos Carvalho

Compartilhe
Olá, amigos internautas!

O Esporte Clube Passo Fundo realizou nesse domingo (27) diante do Guarani, de Venâncio Aires, em mais um amistoso em preparação para a Divisão de Acesso. Embora vencer sempre seja bom, o placar não é o mais importante, mas sim as avaliações do período por parte do técnico Antônio Freitas, que realizou várias alterações em busca da formação ideal.

No domingo que vem, o tricolor retribuirá a visita, jogando no Estádio Edmundo Feix e estará em fevereiro, mês da estreia, marcada para o dia 17 em Crissiumal.  Embora o intenso calor, é importante que se jogue neste horário, se preparando para a realidade do campeonato. Se jogará às 16 horas contra o Tupi no forte do verão.

O fator negativo do domingo não foi o resultado, mas outra vez a pequena presença do público. O desafio é este: o que fazer para levar mais torcida ao Estádio Vermelhão da Serra?  

O presidente Selvino Ferrão, nos momentos que antecedia a partida, ainda olhava atentamente para as arquibancadas, preocupado com a não vinda do público. De fato, a arquibancada geral estava praticamente vazia. Os torcedores que compareceram procuravam, evidentemente, a sombra e fizeram a lotação do pavilhão social. Mesmo assim, a plateia foi muito pequena, diante de tantos custos dispensados para a montagem de um time competitivo.

Esse é o desafio: levar mais gente ao estádio. Se sabe que é tempo de férias, com deslocamento às praias, aos balneários e às piscinas, mas com uma população de 200 mil pessoas certamente há muito público para comparecer. É o mesmo caso de um televisionamento mais tarde do jogo do Internacional, mas, frise-se, com a quantidade de moradores que Passo Fundo possui, as bilheterias precisam registrar mais movimento. Quem ama o seu clube abre mão de outros eventos paralelos em jogos de início de Gauchão, com a dupla Gre-Nal ainda engrenando.

Nada substitui a alegria do estádio. É lá que se diverte, verdadeiramente, podendo levar a família e reencontrar os amigos. É lá que se pode observar o time bem de perto, verificando as qualidades e carências que precisam ser supridas.  Não se tem dúvidas de que o elenco do Passo Fundo é qualificado e, quando entrosar, poderá fazer uma grande campanha na Divisão de Acesso.

Por todos os lugares, o assunto é este: "como está o time do Passo Fundo e será que esse ano dá para subir?"  

Bem, a resposta cada torcedor pode buscar comparecendo ao Estádio Vermelhão da Serra. Que quando a Divisão de Acesso começar, o tricolor possa confirmar toda a sua força de ser um dos campeões de presença de público! O grito das arquibancadas faz toda a diferença, incentivando os artistas do espetáculo.


Até a próxima! 
Sejam felizes! Vocês merecem!

Leia Também Cristo Rei Empregador em foco: Contratação de Autônomo O amor é cego Dia da Consciência Negra!