Pais que criam filhos sozinhos poderão se aposentar mais cedo

Compartilhe

Mulheres que são mães e homens responsáveis únicos pela criação dos filhos poderão se aposentar mais cedo. Esse novo critério está em estudo pelos técnicos que participam das discussões sobre a reforma da Previdência, segundo O Globo.

Nessa nova proposta, se a idade mínima para a aposentadoria de uma mulher for de 65 anos, como foi proposto pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, ela poderá se aposentar aos 64 caso tenha um filho. Se for mãe de dois filhos, a aposentadoria poderá sair aos 63. O limite seria de até três filhos.

Outra opção é a de conceder mais um ano de contribuição a essa mesma mulher, o que seria revertido em um aumento de 2% no valor do benefício.

A proposta, que ainda precisa ser aprovada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), conta com a defesa da ala política e teve a inclusão de “pais solteiros” como forma de humanizar a reforma e, assim, facilitar a aprovação no congresso.

*Metrópoles

Leia Também Senegaleses pedem solução para atuação de vendedores ambulantes Jantar-Baile do aniversário dos 50 anos da Rádio Planalto é nesta sexta-feira Por telefone, bombeiros ajudam avós a salvarem bebê recém-nascido engasgado Bolsonaro assina decreto que acaba com o horário de verão