Medicina Veterinária da IMED promove 4ª edição do Trote Cãolidário

Compartilhe


O Curso de Medicina Veterinária da IMED está promovendo a 4ª edição do Trote Cãolidário.

A ação, que envolve todo o semestre os calouros do curso em uma gincana, tem como objetivo contribuir com a alimentação de cães e gatos abandonados ou em situação de vulnerabilidade no município de Passo Fundo e Região.

A atividade consiste na divisão das turmas em equipes, que tem como meta arrecadar o maior número possível de quilos de ração para os pets, através de doações, com o intuito de colaborar com iniciativas que desenvolvem trabalho voluntário em prol dos animais.

Em 2018, os alunos do curso arrecadaram mais de duas toneladas de ração, que foram destinadas a quatro entidades independentes de proteção animal: Grupo Amar, Aspa de Sarandi, Grupo Pêlo Amigo e Galera Animal, da protetora Doris Flores de Souza.

As entidades protetoras de animais desenvolvem todo o trabalho de recolhimento de animais em situação de vulnerabilidade (abandonados, desnutridos, enfermos e submetido aos maus tratos), que podem ser acolhidos em lar temporários, e ainda recebem o atendimento veterinário, são submetidos a castração e destinados a um novo lar. Em alguns casos, os animais são mantidos nos ambientes onde já estão adaptados (Cães comunitários) e lá são monitorados quanto aos cuidados com a saúde e alimentação, pelos chamados protetores.

“O grande número de cães abandonados é uma realidade nas ruas de todas as cidades brasileiras, são mais de 20 milhões de animais nesta situação, portanto, uma questão de saúde pública. Atitude pessoal, boa-vontade e amor pela causa. É por meio destes ingredientes que algumas pessoas contam para realizar um trabalho voluntário em defesa e proteção destes animais abandonados”, comenta o Coordenador do Curso de Medicina Veterinária da IMED, Dr. Deniz Anziliero.

Pessoas físicas ou empresas que tiverem interesse em ajudar, podem realizar a doação de qualquer valor ou quantidade de ração, tanto para cães como para gatos até o dia 06 de maio, diretamente na instituição. 


Foto: Marina Schleder / Marketing IMED



Leia Também Semana Farroupilha: chama crioula chega a Ernestina Inaugurado o galpão crioulo da APAE em Passo Fundo Escolas municipais recebem delegações da Danzpare Brasil Passo Fundo está no embalo do Danzapare Brasil 2019