Corpo de mulher desaparecida há um ano é encontrado enterrado na casa do companheiro em Dom Pedrito

Compartilhe
Foto: Polícia Civil   Foto: Polícia Civil 

O corpo de uma mulher, desaparecida há um ano, foi encontrado, na madrugada dessa quarta-feira (15), enterrado na casa do ex-companheiro dela, em Dom Pedrito, na Região da Campanha, no Rio Grande do Sul.

A escavação, que levou cerca de 7h, contou com o apoio de dois cães farejadores, usados nas buscas de cadáveres em Brumadinho, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e militares do Exército.

De acordo com a Polícia Civil, Vera Lúcia Severo Lemos, de 30 anos, estava desaparecida deste abril do ano passado.

 Foto da vítima

Vera Lúcia havia dado à luz um bebê, semanas antes de desaparecer. Segundo o inspetor de polícia Lauro Telles, a criança nasceu prematura e estava internada na ala neonatal do hospital da cidade.

De acordo com o inspetor, o casal estava brigando pela paternidade da criança. "Eles tinham um relacionamento aberto e conturbado. Ela teria dito a testemunhas que o bebê não era dele, mas o suspeito queria registrar a criança mesmo assim. Ele queria muito essa criança para ele e acabou registrando depois de muita pressão. Durante as investigações, o Ministério Público chegou a pedir exame de DNA que confirmou que ele é o pai".

O corpo foi enterrado no quarto da filha de 18 anos do suspeito. A polícia pediu exame de DNA, mas acredita que o corpo seja da mulher.

O homem, de 49 anos, que segundo a família estaria trabalhando na hora em que a polícia fez a escavação, não esteve no local.

(Com informações do Portal G1 RS)


Leia Também Ministério Público garante que Mauricio Dal Agnol vai voltar para a cadeia Idoso perde R$ 37 mil em golpe do telefone aplicado por mulher Operação Avante com alunos-soldados de Passo Fundo apreende mais de R$ 20 mil em Marau Brigada Militar prende duas pessoas com R$ 1 mil em notas falsas