Ator de Chiquititas e pais são assassinados a tiros em São Paulo

Compartilhe
(Reprodução/Redes Sociais)   (Reprodução/Redes Sociais) 
Um desfecho trágico para dois jovens, há pouco mais de um ano, unidos pelo amor: na tarde de hoje, na casa da namorada, o ator Rafael Miguel foi assassinado, em São Paulo, aos 22 anos. O rapaz, que interpretou o personagem Paçoca no remake do SBT, para a novela mirim Chiquititas, teria sido executado, ao lado dos pais dele, João Alcisio Miguel, de 52 anos, Miriam Selma Miguel, de 50.
 
O crime foi na hora do almoço, quando Rafael e os pais se reuniram com a família da namorada dele, Isabela Tibcherani, 18 anos. O tema de conversas seria o relacionamento do jovem casal, e a família do ator foi surpreeendida com o aparecimento do pai da moça, acusado da chacina.
 
Rafael Miguel ficou conhecido, entre outros trabalhos, por um comercial de televisão em que pedia à mãe que comprasse brócolis. Num perfil de rede social, Isabela tornou público o luto, enfatizando estar bem, "dentro do possível". Ainda não há informações quanto a motivações para o crime. Vários colegas de elenco da atração do SBT, como Filipe Cavalcante, Carla Fioroni e Matheus Ueta postaram homenagens e mensagens de condolências, diante dos crimes.

*Correio Braziliense

Leia Também Cobertura do Programa Auxílio Pecúlio Coprel é estendida aos filhos a partir de setembro Idosa utiliza secador de cabelo como radar à beira de estrada Disparada do petróleo: maior cotação desde a Guerra do Golfo Após divulgação na Planalto News, mulher que estava desaparecida é encontrada