Fumar em ginásio e no estádio de futebol pode ser proibido

Compartilhe

A Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprovou, nessa quarta-feira, a proibição do fumo em eventos esportivos, incluindo ginásios e estádios de futebol. Relatada pelo senador Romário (Podemos-RJ), a proposta segue agora para a Câmara. O projeto é de autoria do senador Eduardo Girão (Podemos-CE).

Se aprovado na Câmara, o texto vai permitir, pela primeira vez, a restrição do fumo em locais abertos no país. Inicialmente, a proposta previa a proibição em eventos esportivos mas, durante a votação, a restrição acabou estendida a repartições públicas, salas de aula, bibliotecas e recintos de trabalho coletivo.

Essa ampliação, porém, não gera efeito prático, uma vez que já existe lei federal proibindo fumo em ambiente fechado. Ao defender o projeto, Girão observou os gastos expressivos do SUS para o tratamento de pessoas com doenças relacionadas ao tabaco e os perigos provocados pelo fumo passivo. Paula Johns, diretora da Aliança de Controle do Tabagismo (ACT-BR), elogiou a aprovação.

Fonte: Agência Brasil

Leia Também Perícia aponta que incêndio em hospital começou em gerador Mega-Sena acumula e prêmio chegará aos 120 milhões UPF sedia Marco Zero do projeto Inova RS Presos de Taubaté vão cuidar de cães e gatos abandonados