Ibirubá: motorista acusado de causar mortes em rodovia condenado a 73 anos de prisão

Compartilhe

Em sessão no Tribunal de Ibirubá ocorrida nessa terça-feira, 16, foi condenado a 73 anos e 11 meses de prisão Helmuth Edvino Horst, 32 anos, pelas mortes de Milton Fior, Normélia Kempf Fior e Fábio Loser, bem como tentativa de homicídios de Fabiano Schatz e Willian Luís da Silva, em março de 2012. O corpo de jurados acatou a tese do MP, contida na denúncia assinada pela promotora de Justiça Suzane Hellfeldt, de que os homicídios de Milton Fior e Normélia Kempf Fior foram qualificados (por recurso que dificultou a defesa das vítimas), o homicídio simples de Fábio Loser e as tentativas de homicídio simples de Fabiano Schatz e Willian Luís da Silva.

O CASO

O crime aconteceu na cidade de Ibirubá, em março de 2012. Por volta de 22h, no KM 48 da ERS 223, o réu, que estava sob efeito de álcool, conduzia uma caminhonete a 196,9 km/h com os faróis desligados. Ele colidiu contra o veículo onde estavam as vítimas Milton Fior e Normélia Kempf Fior, causando-lhes a morte. Fábio Loser que estava na carona da caminhonete conduzida por Helmuth também morreu.


Fonte: Assessoria Ministério Público/RS

Leia Também CCJ do Senado aprova projeto que retoma prisão em 2ª instância Polícia Federal pede prisão de filho do ex-presidente Lula, mas juíza nega Vestibular Solidário da Anhanguera beneficiará a Leão XIII Fernando Haddad recebe Medalha do Mérito Farroupilha