Hospital de Clínicas implanta projeto de Checagem Beira Leito

Compartilhe

O projeto Checagem Beira Leito permite ao profissional de enfermagem a conferência eletrônica do medicamento a ser utilizado através da verificação do código de barras de identificação do paciente e do medicamento. “O projeto de Checagem Beira Leito veio trazer benefícios para a assistência do paciente. Benefícios mais relacionados à segurança da aplicação das medicações por parte da equipe de enfermagem, pois o sistema faz uma checagem do nome do paciente com a leitura do código de barras presente na pulseira de identificação e realiza a checagem se todos os medicamentos que foram dispensados pela farmácia para aquele paciente estão corretamente dispensados.” explica o coordenador do Serviço de Tecnologia da Informação do HC, Guilherme Tognon. 


O sistema funciona através de um dispositivo móvel de uso exclusivo a cada profissional de enfermagem e com compartimentos específicos para cada paciente. A novidade está disponível atualmente para vinte e sete leitos e será expandida gradativamente aos demais setores do Hospital de Clínicas. “Aqui na região o HC é a primeira instituição a disponibilizar este formato de controle e segurança, aplicando um dos nossos protocolos de segurança, que é a administração segura de medicamentos, de forma eletrônica.”  pontua a coordenadora de Enfermagem do HC, Janete Rodegheri.

“A enfermagem irá receber um alerta do sistema quando alguma inconsistência for identificada na leitura do código de barras do medicamento. Por exemplo, caso determinado medicamento não foi dispensado para aquele paciente ou até mesmo se o medicamento não deve ser administrado naquele horário.” salienta Guilherme Tognon. 


A coordenadora de Enfermagem do HC, Janete Rodegheri destaca que o projeto Checagem Beira Leito otimiza e qualifica o tempo empregado para a assistência ao paciente, pois permite ainda o registro outras informações, como de sinais vitais por exemplo, diretamente no prontuário eletrônico, conferindo agilidade também às novas solicitações de medicação. “Nós estamos trabalhando muito na questão da qualidade e segurança e uma das nossas metas é a administração segura de medicação. Tudo o que se consegue ter filtros e um processo bem definido com certeza irá assegurar uma administração segura da medicação ao paciente e minimizando erros.” esclarece Janete. 


A Checagem a Beira Leito está integrada ao Prontuário Eletrônico do Paciente permitindo o acesso e atualização de todas as informações e prescrições para o paciente. “Nós somos pioneiros na cidade de Passo Fundo e também na região norte do estado. Nenhum outro hospital fez a implantação deste projeto com esta tecnologia que nós utilizamos hoje. Esse nível de segurança assistencial hoje só é tratado com esta relevância dentro do Hospital de Clínicas.” enfatiza o coordenador de TI, Guilherme Tognon.


Os colaboradores envolvidos na assistência ao paciente foram capacitados para utilização plena do sistema de Checagem Beira Leito. “A gente também trabalha muito em melhorias de processos, como a melhoria através do prontuário eletrônico, por exemplo. Outra melhoria que se tem trabalhado muito é a da comunicação e informação. Então, é um apanhado de melhorias que a gente está sendo privilegiado neste momento, não apenas do projeto Checagem Beira Leito, mas também melhoria dos processos de comunicação e informação.” finaliza Janete.


Créditos: Divulgação HC

Leia Também Coordenadoria da Mulher e Comdim se unem em ações no Outubro Rosa Hospital São Vicente presente no Congresso Brasileiro de Pediatria Psicofobia: um mal dos novos tempos a ser vencido Pediatria do HSVP comemora o Dia das Crianças