Morador que teve casa destruída pelo fogo chora ao conceder entrevista à Rádio Planalto News

Compartilhe

Morando há mais que quarenta anos na mesma residência, Alceu da Silva Melo foi acordado com sua esposa avisando que sua casa estava pegando fogo.

O homem, assustado, mal teve tempo de colocar os calçados. Em um pé, calçando uma pantufa, no outro, um coturno, Melo foi logo ligando para o Corpo de Bombeiros e pedindo socorro.

O fogo consumiu quase toda a residência, localizada na Rua Castanho da Rocha, entre a Vila Operária e União, por volta das 9h da manhã desta terça-feira (13).

Os motivos do incêndio até o momento não foram descobertos. A casa é mista, de frente de madeira e a garagem, que fica a esquerda, de material.

Na garagem, existe uma esquadria de ferro e os responsáveis não estavam no local, pois estariam em viagem.

Três caminhões do Corpo de Bombeiros atendem à ocorrência e a área ficou isolada. Foto: Grupo Falcon: Falcon Informática, segurança   Foto: Grupo Falcon: Falcon Informática, segurança  

A Rádio Planalto News FM 92.1 conversou com seu Alceu da Silva Melo, conhecido popularmente como taxista Melo. Ele, muito abalado, desabafa e chora dando entrevista ao repórter policial Bruno Reinehr. Acompanhe:


  • ENTREVISTA

Leia Também Decretada prisão preventiva para dupla de Passo Fundo que aplicou golpe do bilhete em SC Sorte no jogo, azar no crime: PC deflagra operação contra estelionatários em Passo Fundo Operação combate distribuição irregular de lubrificantes Vigilante da Semeato é morto em confronto com bandidos em propriedade rural