Rede de saúde em Passo Fundo realiza encontro sobre práticas integrativas e complementares

Compartilhe

Com a temática “Cuidar de mim é cuidar do outro: tecendo redes de autocuidado com os trabalhadores da saúde”, aconteceu no auditório da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) o I Encontro de Práticas Integrativas e Complementares. Promovido pela Secretaria de Saúde da Prefeitura de Passo Fundo, o encontro foi realizado na quinta-feira (15) e se estendeu até a tarde desta sexta-feira (16). 

Para a secretária de Saúde, Carla Crivellaro Gonçalves, “esse é um momento histórico para a rede de saúde de Passo Fundo, pois simboliza o processo de implementação das práticas integrativas e complementares em saúde. O cuidado deve ser ampliado além dos aspectos biológicos, o que se alinha com o conceito de saúde. Parabéns aos colegas que organizaram esse momento”. 

Entre os temas acordados estão: auriculoterapia, massoterapia, reiki, acupuntura, escalda-pés e meditação. Ainda, os participantes contaram com palestra de Ricardo Burg Ceccim.

O que são as PICS?
As Práticas Integrativas e Complementares (PICS) são tratamentos que utilizam recursos terapêuticos baseados em conhecimentos tradicionais, voltados para prevenir diversas doenças como depressão e hipertensão. Em alguns casos, também podem ser usadas como tratamentos paliativos em algumas doenças crônicas.

Atualmente, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece, de forma integral e gratuita, 29 procedimentos de Práticas Integrativas e Complementares (PICS) à população. Os atendimentos começam na Atenção Básica, principal porta de entrada para o SUS.

Evidências científicas têm mostrado os benefícios do tratamento integrado entre medicina convencional e práticas integrativas e complementares. Além disso, há crescente número de profissionais capacitados e habilitados e maior valorização dos conhecimentos tradicionais de onde se originam grande parte dessas práticas.

(Foto: Divulgação)

Leia Também Na Planalto News, oncologista fala sobre o melanoma, câncer de pele que matou o cantor Roberto Leal Hospital do Ursinho ajuda a reduzir o medo do tratamento médico de crianças em Passo Fundo Prefeito anuncia abertura do CAIS Petrópolis até as 22h IMED promove ações de conscientização sobre a importância da doação de medula óssea