Animais apreendidos recebem tratamento no Hospital Veterinário da UPF

Compartilhe

 No último domingo (1º), mais de 200 animais silvestres foram apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal. Segundo a ocorrência, pássaros de várias espécies estavam em um carro que foi interceptado na fronteira entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Após a apreensão, a professora Me. Michelli De Ataide, coordenadora do Grupo de Estudos de Animais Silvestres da Universidade de Passo Fundo (Geas/UPF), foi acionada para fazer os primeiros atendimentos.  

Conforme a professorora, as aves, de grande e pequeno porte, chegaram com lesões, fraturas e problemas respiratórios. Ela relatou que algumas foram a óbito e 51 tiveram que ficar em internação no Hospital Veterinário. “Soltamos alguns em bando pela região – os que estavam bem e a situação permitia –, outros foram internados. Além desses, há outros que, por serem exóticos, não podem ser soltos na natureza”, ressaltou.

 

Fotos: Equipe Geas

Leia Também GESP apresenta proposta para implantação do Plano Municipal da Mata Atlântica Acre decreta estado de emergência por incêndios nas florestas Amazônia brasileira está segura, diz Mourão Fumaça de queimada na Amazônia já é visível de satélite da Nasa