Menos de um mês para a Romaria Arquidiocesana: reflexões e preparação

Compartilhe

Sete quilômetros. Este é o trajeto percorrido há quase 40 anos, em Passo Fundo, pelos romeiros que veem em Nossa Senhora Aparecida uma fonte de proteção, auxílio e socorro. Em sua 39ª edição, a tradicional caminhada acontece no dia 13 de outubro e busca refletir e repercutir a proposta do papa Francisco para o Mês Missionário Extraordinário – proclamado para outubro deste ano - através do lema “Aparecida nos chama para a missão”.


Igreja em missão
Tímida, a Romaria de Nossa Senhora Aparecida nasceu como uma caminhada em torno do Santuário Arquidiocesano. A ideia surgiu a partir da inspiração de devotos que buscavam homenagear a santa de alguma maneira. Logo, a iniciativa chegou aos ouvidos da população que, pouco a pouco, passou a migrar para o Santuário e direcionar suas preces à Mãe Aparecida. Hoje, 39 anos depois da primeira caminhada, a Romaria, que é considerada a segunda maior do país em homenagem à Nossa Senhora Aparecida, reúne milhares de devotos não apenas da região, mas que se deslocam de outros estados para celebrar a história e a intercessão de Aparecida. Neste ano, o convite é para que todos esses fiéis se concentrem no pensamento de uma Igreja que vive em missão. “Buscamos que a reflexão se dê em torno da dimensão missionária. A proposta é refletir o convite para o Mês Missionário Extraordinário e perceber uma Igreja que está em saída”, coloca o reitor do Santuário Nossa Senhora Aparecida, padre Daniel Feltes.


Preparação
Há pouco menos de um mês para a peregrinação, a Romaria já está sendo preparada através da Novena que, desde o mês de agosto, envolve as áreas para reflexão. Já foram abordados os temas: o encontro com Jesus Cristo; a formação de discípulos missionários; missão para a justiça e o bem comum; a gratuidade da missão de paz; a missão como identidade da igreja de discípulos e a misericórdia como fonte da missão. Nos próximos três domingos, serão refletidos: a caridade como fonte e expressão da missão; a missão de promover a justiça e a vida e, por fim, “Batizados e enviados: a Igreja de Cristo em missão no mundo” que é, justamente, a provocação do Mês Missionário Extraordinário.


Além disso, as três intenções deste ano também estão comprometidas com o tema da missão: para que o chamado à missão nos comprometa com a garantia de políticas públicas para o bem comum; para que os desafios missionários da atualidade empolguem os jovens na resposta vocacional aos apelos de Deus e, por fim, para que as comunidades da Arquidiocese cresçam na comunhão eclesial através do Plano de Evangelização.

 

Solidariedade
Como aconteceu nos últimos anos, a Mostra de Ações Sociais Solidárias - atividade que acontece junto à Romaria de Nossa Senhora Aparecida desde 2014 e reúne os grupos que se constituem a partir do conceito de economia solidária - faz parte da programação Romaria Arquidiocesana de Nossa Senhora Aparecida e não se constitui em um evento paralelo, mas busca, assim, comungar da espiritualidade que é inerente à Romaria.  “A Mostra ganhou força e tomou corpo diante dos romeiros. Costumamos dizer que ela não acontece só no dia da Romaria porque, desde a sua preparação, existe uma construção coletiva e uma partilha que caracterizam o espírito solidário proposto pela ação”, coloca Franciel Bachi, um dos assessores da Cáritas.

 

PROGRAMAÇÃO
12 de outubro
8h00: Missa
10h00: Missa
12h00: Almoço (pão com linguiça + cuca + produtos da Mostra de Ações Sociais Solidárias)
14h00: Romaria das Crianças (Ginásio)
14h00: Romaria da Pessoa Idosa (Santuário)
16h00: Missa

 

13 de outubro | Romaria Arquidiocesana
06h00: Bom dia, romeiro – programa pela rádio Planalto News (92.1)
07h00: missa na Catedral e no Santuário
08h00: saída da procissão
08h30: missa na capela Santuário
10h30: missa campal no Santuário
12h00: Almoço (churrasco + carreteiro + pão com linguiça + cuca + produtos da Mostra de Ações Sociais Solidárias)
14h00: bênçãos do Santíssimo, dos objetos religiosos e da saúde
16h00: missa na capela do Santuário

 

Créditos: Sammara Garbelotto
Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Passo Fundo
imprensa@arquidiocesedepassofundo.com.br


Leia Também É neste sábado o 5° Jantar das Famílias da Paróquia Santo Antônio Professor que integrou a primeira equipe da rádio fala na Planalto News sobre sua trajetória Dom Rodolfo Weber avalia participação dos devotos na Romaria de Nossa Senhora Aparecida Círio de Nazaré reuniu mais de 2 milhões de participantes