Projeto apresenta levantamento das árvores existentes na Praça Capitão Jovino

Compartilhe

Aconteceu na tarde desta segunda-feira, 07, a apresentação Projeto Arborístico da Praça Jovino, localizada junto à Paróquia Santa Teresinha, em Passo Fundo.  O objetivo é apontar quais são as espécies existentes no local, identificá-las para o público e ao mesmo tempo dar a contribuição para a preservação.

A iniciativa é da IMED, Rede Notre Dame, Construtora UNA, e outras empresas, com apoio da Associação dos Amigos da Praça.

A professora Linessa Busatto, da IMED, foi a responsável por realizar o estudo de todas as árvores existentes.  Segundo a educadora, o levantamento, realizado com a participação dos alunos de Paisagismo, apresenta que estão na área espécies até mesmo ameaçadas de extinção, como o angico.  Na praça podem ser encontradas árvores como canafístula, cereja do Rio Grande, pitangueira, guabiju, ovaia, figueira e erva-mate. Há inclusive uma no local que não chegou a ser identificada, por ser um vegetal raro.

Em uma nova etapa está prevista a colocação de placas com as espécies de árvores ali existentes para que o público possa conhecê-las.

Estiveram presentes, também, na apresentação do projeto o coordenador do Departamento de Extensão e Responsabilidade Social da IMED, Elvis Mognon, e o administrador da Rede Notre e Presidente da Associação dos Amigos da Praça Capitão Jovino, Fágner Vieira.



Foto: Luiz Carlos Carvalho (Planalto News)


Leia Também GESP preocupado com morte de peixes no Rio Passo Fundo Dez mulheres foram mortas em janeiro de 2020 no RS Motorista viajou mais de 600 km com jiboia no motor Prefeitura: novo veículo irá ajudar na fiscalização e licenciamento ambiental do município