Conmebol confirma final da Libertadores 2020 no Maracanã

Compartilhe

A Conmebol anunciou nesta quinta-feira, 17, em reunião em sua sede, em Assunção, no Paraguai, que o Maracanã será palco da final da Copa Libertadores da América de 2020, confirmando os recentes rumores. A decisão, que assim como a de 2019 será em jogo único, acontecerá no dia 21 de novembro, um sábado, e celebrará os 70 anos da construção do estádio carioca, erguido para a Copa de 1950.

A Conmebol também elegeu o estádio Mário Kempes, em Córdoba, na Argentina, como sede da decisão da Copa Sul-Americana. O Maracanã venceu a concorrência de outros cinco estádios do Brasil (Mineirão, Arena do Grêmio, Beira-Rio, Morumbi e Arena Corinthians), além do próprio Mário Kempes e do Estádio Nacional de Lima, no Peru.

Esta será apenas a segunda vez que o campeão da Libertadores erguerá o troféu no Maracanã. A primeira foi em 2008, com a LDU, do Equador, que bateu o Fluminense nos pênaltis.

Seguindo o padrão utilizado pela Uefa na Liga dos Campeões, a Conmebol passou a adotar a final em jogo único e sede escolhida com antecedência a partir de 2019.

A final deste ano, que será entre um clube brasileiro (Flamengo ou Grêmio) e um argentino (River Plate ou Boca Juniors) será dia 23 de novembro, em Santiago, no Chile. Já a final da Sul-Americana entre Colón, da Argentina, e Independiente Del Valle, do Equador, acontece em 9 de novembro, em Assunção, no Paraguai.


Leia Também PFF renova com Japa Atlântico de Erechim goleia e conquista o tetra gaúcho de futsal Vestibular Solidário Anhanguera em duas etapas nesta semana Goleiro Ângelo renova com o Passo Fundo Futsal