Vigilância Ambiental em Saúde está realizando levantamento de índices de infestação

Compartilhe

Nesta semana, de 14 a 18 de outubro, a Vigilância Ambiental em Saúde está realizando o quarto e último levantamento dos índices de infestação do Aedes aegypti no município de Passo Fundo. O trabalho está sendo realizado pelos agentes de combate às endemias e agentes comunitários de saúde. No período serão visitados cerca de 3 mil imóveis aleatoriamente, com a finalidade de identificar a presença das larvas do Aedes nos imóveis.

“Os levantamentos servem para nortear o trabalho de controle do mosquito, identificando os bairros com maiores problemas e os principais criadouros. Contamos com a colaboração da comunidade neste trabalho e reforçamos o apelo, para que não mantenham água parada em seus imóveis e seus quintais”, destaca Ivania Silvestrin, chefe do Núcleo de Vigilância Ambiental em Saúde.

De acordo com ela, está iniciando a estação mais preocupante do ano, com temperaturas elevadas e chuvas, o que favorece a proliferação do mosquito. “Dados apontam o aumento significativo dos casos de dengue no estado e nossa preocupação aumentou também. Por isso pedimos a todos que não mantenham água parada em hipótese alguma”, completa Ivania.

(Foto: Arquivo/PMPF)

Leia Também Incêndio atinge grande área do antigo aterro sanitário Criação de tilápia: burocracia gaúcha limita produção e Paraná avança Morre coala resgatado em incêndio florestal na Austrália Uso de drone ajuda na fiscalização e reconhecimento de áreas em Passo Fundo