Prefeitura de Pontão é vítima de hackers e perde R$ 332 mil

Compartilhe

A Prefeitura de Pontão, município que fica a cerca de 42 km de Passo Fundo, pediu o bloqueio de suas contas ao Banco do Brasil após perceber transferências desautorizadas de R$ 332.084 na última sexta-feira (30). 

Após verificar várias movimentações irregulares ocorridas na quinta e na sexta, a própria instituição bancária comunicou o Tesouro municipal. Com a confirmação de que não haviam feito nenhuma transferência, foi pedido o bloqueio imediato das contas. Sendo assim, 262 servidores municipais ficaram sem receber os salários referentes ao mês de novembro.

A prefeitura registrou, no mesmo dia, a ocorrência na delegacia de Ronda Alta por desconfiar da atuação de hackers. Foi assinado pelo prefeito Nelson José Grasselli, ao mesmo tempo, um pedido de reposição de recursos pelo banco.

Após a ocorrência, foi convocada uma assembleia com os servidores para explicar o motivo do valor não ter sido depositado, no dia 30, e garantir que o pagamento da folha seja feito em breve.

(Com informações do Portal G1)

Durante a programação da Planalto News, a delegada Rafaela Bier falou sobre o caso, ouça:


  • Delegada Rafaela Bier | Crimes cibernéticos

Leia Também Uma tragédia que ainda emociona 16 anos depois: a queda do ônibus que ceifou as vidas das crianças em Erechim Brigada Militar prende motoboy entregador de drogas em Marau Pelo Brasil: jovem simula roubo e estupro para ganhar seguidores nas redes sociais Polícia Federal deflagra operação de combate a desvios de recursos da saúde