Ernestina anuncia ampliação do sistema de videomonitoramento

Compartilhe

 A segurança pública receberá um reforço em Ernestina. A Administração Municipal anunciou a ampliação do sistema de videomonitoramento. As atuais sete câmeras já instaladas receberão o reforço de oito novos equipamentos que ampliarão a área de cobertura do sistema. As imagens são transmitidas em tempo real a uma central instalada na sede da Brigada Militar, sendo monitoradas também pela BM em Passo Fundo.

 Nesta segunda etapa do projeto, serão investidos R$ 84,4 mil, dos quais R$ 54,3 mil são oriundos do Governo Estadual através da Consulta Popular de 2018 - quando a comunidade ernestinense indicou que a segurança era uma área prioritária -, enquanto R$ 30,05 mil correspondem a contrapartida municipal. Somadas as duas etapas, o investimento na implantação do sistema de videomonitoramento já ultrapassa R$ 170 mil, além dos recursos destinados mensalmente pela Prefeitura para a manutenção do sistema.

 Além de coibir crimes afugentando criminosos, as câmeras auxiliam na apuração de delitos e identificação dos indivíduos. Desde que entrou em operação, em sua primeira etapa, em março de 2019, o sistema de videomonitoramento tem sido um aliado dos órgãos de segurança pública no município. A Brigada Militar registrou queda nos índices de criminalidade - o relatório com os dados precisos deve ser divulgado nas próximas semanas.

O termo do convênio da segunda etapa do sistema foi entregue pelo prefeito de Ernestina, Odir João Boehm, ao Major Chefe da Divisão de Convênios, Luiz Marcelo Reolon. A expectativa é que o recurso proveniente da Consulta Popular seja depositado até o fim de janeiro pelo governo estadual. 

Leia Também Estado inicia processo de elaboração de projeto para acesso asfáltico entre Água Santa e Tapejara Morre morador de Getúlio Vargas que sofreu acidente de motocicleta no domingo Três municípios da 6ª Coordenadoria Regional de Saúde não registraram casos de coronavírus Simers notifica Secretaria de Saúde de Marau sobre autonomia do médico