Cão corre atrás de ambulância e fica 3 dias esperando dono que morreu em SP

Compartilhe

Um cãozinho espera há três dias na frente de um Pronto Socorro em Santos, no litoral de São Paulo, o dono que faleceu. O caso chamou atenção de pacientes do hospital, que relataramneste sábado (25), que estão tentando encontrar um novo lar para o cachorro por meio de uma publicação nas redes sociais.

A autônoma Vera Lúcia Oliveira de Souza, de 47 anos, foi quem registrou o cãozinho depois de buscar um exame no Pronto Socorro, por volta de 13h de sexta-feira (24). De acordo com a autônoma, o cachorro estava muito magro e chamou sua atenção. “Conversei com o segurança, que contou que o animal veio correndo atrás da ambulância para acompanhar o dono”, explica Vera.

Após buscar o exame, a autônoma conta que o cão se aproximou e a seguiu durante parte do trajeto. “Ele estava com uma carinha triste e bem magrinho. Ele esperava o dono e pedia carinho para qualquer pessoa que passava, esperando alguma atenção”, diz.

Ela relata que tem três cães e dois gatos, e por isso não tinha como ajudar, mas pensou em tirar a foto e pedir ajuda nas redes sociais. “Fotografei e enviei para minha amiga que trabalha na Codevida e sempre compartilha casos assim em seu perfil, na esperança que alguém adote o cão”, comentou.

A publicação, que rendeu muitos compartilhamentos, é da moradora Luciana Simões Matheus, de 46 anos. Ela é funcionária da Codevida e participa de uma ONG que auxilia animais em Santos. Por isso, ela compartilha casos parecidos há cerca de cinco anos em todas suas redes sociais. De acordo com Luciana, a repercussão é muito positiva.

Publicao nas redes sociais comoveu moradores  Foto Reproduo Facebook

Publicação nas redes sociais comoveu moradores — Foto: Reprodução/ Facebook

Na postagem, ela fala sobre o cão e o descreve. “Porte pequeno, novinho. Alguém para resgatar ?”. As reações de moradores nos comentários foram positivas. Enquanto alguns elogiaram a fidelidade do cãozinho, outros questionaram se ele poderia ter um novo lar.


*G1

Leia Também Justiça derruba liminar e determina volta dos peritos às agências do INSS Segundo ano sem horário de verão divide opiniões dos brasileiros Sistema do TSE pretende permitir voto pela internet em futuras eleições Centro de Distribuição da Amazon no Rio Grande do Sul abre seleção para 700 vagas