Coxilha: decreto municipal estabelece novas condições para exercício de atividades públicas e privadas

Compartilhe
O município de Coxilha mudou no início desta semana, o decreto de emergência para calamidade, flexibilizando o funcionamento empresarial. 
A partir de quarta-feira, o comércio poderá funcionar obedecendo o distanciamento. Maiores de 60 anos, porém, não podem ir ao comércio e nem grupos de risco. Construção civil e oficinas também voltam.

Decreto Municipal nª 1.682 – estabelece novas condições para exercício de atividades públicas e privadas

Estabelece novas condições para o exercício das atividades públicas e privadas no âmbito do Município de Coxilha para fins de prevenção e enfrentamento à epidemia causada pelo COVID-19 e consolida no atual Decreto todas as disposições previstas nos Decreto Municipal nº 1.679, de 19 de março de 2.020; Decreto Municipal nº 1.680, de 20 de março de 2.020 e Decreto Municipal nº 1.681, de 23 de março de 2.020 e dá outras providências.

Leia:







Leia Também Ernestina: Prefeito Nico assina ordem de serviço de pavimentação de seis ruas urbanas Por orientação do Vaticano, Arquidiocese de Passo Fundo cria Comissão para a proteção de menores Ernestina investirá mais R$ 100 mil no enfrentamento ao coronavírus Barragem de Ernestina continua secando