Relacionamentos Saudáveis: o Amor em Tempos de Pandemia

Postado por: Élvis Mognhon

Compartilhe

 

Os seres humanos são sociáveis e buscam ao longo da vida estabelecerem vínculos afetivos com seus pares. Isso ocorre numa perspectiva puramente humana, expressando carinho e afeto aos nossos amigos, familiares e especialmente à “pessoa amada”.

Desde os primórdios da humanidade as pessoas buscaram através de relacionamentos e trocas afetivas a construção de vínculos. A própria reprodução humana e o desenvolvimento da sociedade exigiram que esses vínculos fossem constituídos.

Ocorre que, ao mencionarmos vínculos saudáveis, imediatamente surge o questionamento: existem vínculos que não são saudáveis? Obviamente que sim, pois muitos relacionamentos são tóxicos e causam grande sofrimento. Ao serem questionadas dos motivos pelos quais são mantidos determinados relacionamentos tão negativos e opressivos, muitas pessoas não encontram uma resposta adequada.

Outro elemento importante, e que precisa ser destacado, é que nos últimos meses, devido ao isolamento pela pandemia de Covid-19, os relacionamentos passaram ou estão passando por uma série de reconfigurações. Muito se tem comentando que hoje vivemos um “novo normal”. A pandemia mudará drasticamente a estrutura e a organização da sociedade, e os relacionamentos também serão diretamente impactados.

Muitos casais estão passando por um processo de adaptação à nova realidade. Alguns, inclusive passaram a conviver 24 horas por dia, 7 dias da semana, o que tem sido desafiador, especialmente para aqueles que costumavam se ver algumas horas durante o dia/noite.

Diversos casais estão encontrando novas formas de convivência mais adaptativas à situação, outros, diferentemente, estão encontrando dificuldades nesse processo. A convivência, nos novos moldes, está exigindo a ruptura com o padrão de comportamento anterior à pandemia, e pequenos e/ou grandes processos de transformação e despojamento, estão fazendo a diferença à manutenção de relacionamentos saudáveis.

A psicoterapia de casal pode ser uma excelente opção para os casais que não estão sabendo como lidar com todas essas mudanças, e de forma especial, aqueles que estão vivendo relacionamentos tóxicos. A grande maioria, protela a busca por ajuda, vivendo situações muito críticas e insustentáveis, causando grande sofrimento psíquico. Escolha ser feliz e viva plenamente. Escolha construir e viver relacionamentos saudáveis. Feliz Dia dos Namorados.

 

** O leitor poderá enviar sugestões, dúvidas, questionamentos sobre o tema para o e-mail: emognhon@gmail.com Para agendar atendimentos clínicos utilizar o WhatsApp (54) 99983 9966.

 

Leia Também É perigoso dizer SIM! Livro do Deuteronômio: abre a tua mão para o teu irmão (Dt 15,11) O palhaço do fogo do circo RABISCOS SEMANAIS: Caminhar juntos(as)!