Mario Frias tem posse discreta como secretário especial da Cultura

Compartilhe
O ator Mário Frias tomou posse nessa terça-feira (23) como secretário especial de Cultura na gestão de Jair Bolsonaro (sem partido). Frias ocupa o lugar antes comandado por Regina Duarte.

A posse de Frias, diferentemente da de Duarte, que contou com evento e área reservada para fãs, foi discreta. Uma imagem da ocasião foi publicada pela conta do Ministério do Turismo no Twitter.  "Bem-vindo! Vamos juntos", escreveu o ministro Marcelo Álvaro Antônio.

A nomeação, publicada na sexta-feira (19), ocorre um mês após Frias receber o convite do presidente para substituir Duarte na Secretaria Especial da Cultura. 

Desde o início do mandato de Bolsonaro, em janeiro de 2019, a Secretaria Especial de Cultura já trocou de titular em quatro oportunidades. Além de Duarte, também passaram pelo cargo nos últimos 18 meses José Henrique Pires, Ricardo Braga e o dramaturgo Roberto Alvim.

A Secretaria Especial de Cultura foi criada por Bolsonaro após a extinção do Ministério da Cultura, criado em 1985. Inicialmente, o órgão seria ligado ao Ministério da Cidadania, mas foi transmitido para a responsabilidade do Turismo em novembro do ano passado.

*R7

Leia Também Prefeito Pedro Almeida anuncia líder e vice-líder na Câmara de Vereadores Eleitor tem até esta semana para justificar ausência no 1º turno Iura Kurtz eleito presidente da Associação dos Municípios do Planalto Médio Conheça as ações do Programa Acelera Passo Fundo, lançado pela Prefeitura