Covid-19: Ivermectina começa a ser entregue para população de Itajaí-SC

Compartilhe
(Foto: Prefeitura de Itajaí / Divulgação)   (Foto: Prefeitura de Itajaí / Divulgação) 
Nessa terça-feira (7), a cidade de Itajaí, no Litoral Norte de SC, começou a entregar ivermectina para população como tratamento preventivo a Covid-19. Até às 19h, mais de 4 mil pessoas fizeram a retirada do medicamento, que segundo a prefeitura de Itajaí, tem atividade antiviral in vitro comprovada.

A distribuição dos medicamentos ocorre no Centreventos de Itajaí. E de acordo com a administração municipal a escolha do local foi para facilitar a logística e o acesso dos moradores, pois fica na área central do município. O atendimento acontece das 8h às 20h. As pessoas interessadas no medicamento precisam levar documento pessoal com foto e comprovante de residência.

No local foi montada uma estrutura completa com computadores e equipe de saúde para atendimento. E no espaço os moradores recebem toda a orientação da equipe e podem tirar dúvidas de como fazer o uso correto do medicamento.

Ainda segundo a prefeitura, a decisão em concentrar os atendimentos no espaço visa também evitar aglomerações nas unidades de saúde.

Estratégia
A administração municipal destaca que essa ação integra a estratégia de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. E que a mesma tem como objetivo tratar os moradores de forma precoce, a fim de prevenir e atenuar a infecção causada pelo vírus.

“A ivermectina está sendo usada como um medicamento que pode ajudar na prevenção da Covid-19 e, em caso de contágio, que o paciente tenha sintomas leves ou moderados, porque ela diminui a multiplicação viral”, comenta o prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni.

Morastoni destaca ainda que os moradores que participarem da ação devem seguir e manter todas as demais medidas de prevenção como fazer o uso de máscaras, manter a higiene das mãos, o distanciamento e o isolamento social.  O prefeito diz ainda que é importante evitar aglomerações e que os estabelecimentos comerciais sigam as regras preventivas

Escolha do medicamento
De acordo com a prefeitura, a escolha do medicamento foi baseada na experiência de algumas cidades e instituições brasileiras, como a Unimed e o Hospital da Marinha do Brasil. A indicação da ivermectina também teve resultados positivos no Centro Ambulatorial de Triagem de Coronavírus do município, onde médicos observaram significativa melhora em pacientes sintomáticos tratados com o remédio.


Dosagem
A indicação da quantidade de comprimidos de ivermectina é indicada conforme o peso da pessoa, e segundo a prefeitura, deve ser tomada em três etapas, uma a cada 15 dias, para manter o nível plasmático do medicamento no organismo da pessoa durante os próximos meses da pandemia.

O tratamento ofertado pela prefeitura terá o acompanhamento de profissionais da Univali (Universidade do Vale do Itajaí). Eles vão fazer uma análise estatística dos resultados obtidos com o uso do remédio nos próximos meses.

Contraindicação
É importante salientar que o medicamento é contraindicado para pacientes hipersensíveis ou alérgicos ao medicamento ou a algum dos componentes da fórmula. O mesmo também não é indicado para pacientes com meningite ou outras afecções do sistema nervoso central e por crianças com menos de 15 kg ou menores de 5 anos.

Dispensa de licitação na compra
Em nota, a prefeitura disse que pagou R$ 5,90 pela caixa de medicamento com quatro comprimidos cada.  E que foram investidos até o momento R$ 1.475.000,00 para a compra de 1 milhão de comprimidos.

“Foi realizada dispensa de licitação para aquisição de até 3 milhões de comprimidos de ivermectina 6mg pelo valor total de R$ 4.425.000,00, que poderão ser adquiridos conforme a necessidade do município. A distribuição será feita em três etapas para a população”, diz a nota.

Em relação à dispensa de licitação, a prefeitura diz que a mesma se faz necessária tendo em vista a situação de emergência de saúde pública, decretadas em nível federal (Lei 13.979), estadual (Decreto 515,) e municipal (Decreto 11.868).

Ainda na nota, a administração destaca que o custo médio do remédio nas farmácias da cidade de Itajaí varia entre R$ 15,00 e R$ 30,00.

(Fonte: ND MAIS e Prefeitura Municipal de Itajaí / Santa Catarina)

Leia Também Qual o verdadeiro número de mortos pela Covid-19 em Passo Fundo? Coronavírus: Passo Fundo chega a 3269 recuperados Estado recebe 34 pedidos de reconsideração da bandeira vermelha Fiocruz deve começar a produzir vacina contra covid-19 em dezembro