Deputado Bibo Nunes é condenado a indenizar Jean Wyllys

Compartilhe

O 5º Juizado Especial Cível do Rio de Janeiro condenou o deputado federal Bibo Nunes (PSL-RS) a indenizar o ex-deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ). Nas redes sociais, o gaúcho publicou mensagens associando o parlamentar fluminense a Adélio Bispo, autor da facada contra o então candidato à presidência Jair Bolsonaro. A juíza Mônica de Paula Baptista determinou o pagamento de R$ 41,8 mil a título de reparação. Além disso, Bibo Nunes deverá se retratar publicamente das acusações.

Na sentença, a magistrada observou que as declarações do deputado gaúcho “exorbitaram o limite de mera opinião pessoal, sendo capazes de ferir a honra, e, até mesmo, colocar em risco a segurança” de Wyllys. A juíza prosseguiu, sustentando que Bibo Nunes tentou vincular o político do PSOL à prática do crime de tentativa de homicídio e, sem provas ou indícios, incitou o compartilhamento e a difusão de ódio contra o ex-deputado.

Resposta de Bibo Nunes

Bibo Nunes relatou que não foi ouvido pela juíza responsável pela decisão. O deputado ainda disse não ver problemas na acusação que fez contra Jean Wyllys. “Não tem nada demais. Está dentro da minha imunidade parlamentar. Eu não ofendi honra dele, nada. Foi uma decisão política”, apontou.

Sobre a imunidade parlamentar, a juíza Mônica de Paula Baptista ressaltou que a proteção de membros do Legislativo só é válida para matérias relacionadas ao exercício do mandato. Na manhã desta segunda-feira, as três mensagens que foram alvo da ação já não apareciam nas redes sociais de Bibo Nunes.

Além do deputado gaúcho, o Judiciário do Rio condenou o empresário Otávio Fakhoury, que é investigado no inquérito das Fake News no Supremo Tribunal Federal. O perfil de Fakhoury no Twitter foi um dos suspensos após ordem do ministro Alexandre de Moraes.

Fonte: Rádio Guaíba

Leia Também Governador Eduardo Leite pede retirada de projeto da Reforma Tributária da Assembleia Legislativa Bolsonaro discursa na 75ª Assembleia Geral da ONU Vereadores aprovam criação do Bairro Alviverde em Passo Fundo Vice de Sertão concorre a prefeito