Autorizada abertura de restaurantes e de shopping centers e galerias com restrições em Passo Fundo

Compartilhe
Com a publicação do Decreto 114/2020, a Prefeitura de Passo Fundo autorizou os shoppings centers e galerias a funcionar no mesmo sistema do comércio de rua. Os restaurantes poderão retomar os atendimentos presenciais, a partir de hoje, terça-feira, com uma série de cuidados.

Com a nova publicação, os shoppings e galerias poderão fazer o atendimento semelhante ao comércio de rua, sem permitir que o cliente entre na loja, ou seja, no sistema de pague e leve, telentrega ou drive-trhu.

Os shoppings terão horário de funcionamento das 11h às 19h e deverão estabelecer rígidos controles de entrada e verificação de temperatura, ficando limitado também o acesso de até 50% da capacidade do estabelecimento. As lojas deverão providenciar o isolamento para evitar o recebimento dos clientes no seu interior e poderão trabalhar com até 50% de seu quadro funcional. Os estabelecimentos das praças de alimentação poderão funcionar com entrega dos produtos para os clientes, não sendo permitido que os clientes consumam no local.

Os restaurantes foram autorizados a retomar o atendimento ao público. Está vedado qualquer tipo de rodízio e o serviço de buffet deve ter uma proteção física no local dos alimentos, sem acesso pelos clientes, ou seja, os funcionários que irão servir. Ainda, a distância entre as mesas deve ser de dois metros, capacidade máxima de atender 50% do total e obrigação de fazer a capacitação dos trabalhadores.

O horário de funcionamento dos restaurantes será das 11h até às 15h e das 19h até às 23h, diariamente. Todos os trabalhadores e frequentadores dos estabelecimentos autorizados deverão, obrigatoriamente, usar máscaras de proteção, assim como adotar as práticas de higienização. Bares ficam de fora dessa retomada, podendo funcionar apenas aqueles que trabalham como restaurantes.

Leia Também Caixa abre agência neste sábado em Passo Fundo Caixa paga auxílio emergencial para 3,9 milhões de nascidos em junho Sicredi inicia pré-cadastro dos associados para adesão ao Pix Especialista em Economia Agrária avalia razões da elevação do preço do arroz