PRF intercepta criminosos estrangeiros entrando no RS

Compartilhe
Foto: PRF   Foto: PRF 

Na tarde dessa terça-feira (11), na BR 158 em Santana do Livramento, a Polícia Rodoviária Federal interceptou três cubanos e dois chilenos que entravam ilegalmente de ônibus no Brasil. Os chilenos, integrantes de uma quadrilha internacional de roubo, utilizavam nomes falsos.

Policiais Rodoviários Federais realizavam uma operação de combate ao crime quando abordaram um ônibus que fazia a linha Santana do Livramento – Porto Alegre. No veículo, identificaram cinco estrangeiros que haviam cruzado ilegalmente a fronteira e entravam no país.

Um casal de cubanos, com uma criança, não tinham autorização para entrar no Brasil. Na bagagem deles, os policiais encontraram cinco celulares e um simulacro de pistola, que é de importação proibida, podendo ser facilmente confundida com uma arma de verdade.

Dois homens, falantes de espanhol, disseram serem chilenos, mas não apresentaram nenhum documento. Eles transportavam jóias, relógios, roupas de diferentes tamanhos e 1600 dólares.

Ao longo da tarde e da noite de ontem, após várias horas de pesquisas e consultas minuciosas, agentes da PRF e da PF descobriram a real identificação dos homens, que informaram nomes falsos para tentar enganar os policiais. Eles eram realmente chilenos, um deles inclusive estava foragido no Chile e com alerta emitido pela Interpol, já tendo sido preso em São Paulo alguns anos atrás. O outro tem antecedentes por roubo no Paraguai.

Os dois são suspeitos de integrarem uma quadrilha internacional envolvida em roubos no Paraguai e no Uruguai. Os produtos que transportavam são provavelmente oriundos de crimes cometidos fora do Brasil.

Todos foram conduzidos à Polícia Federal para o processo de deportação. Ainda seguem as investigações para verificar se há alguma ligação dos cubanos com os chilenos.

Fonte: PRF

Leia Também MP denuncia seis pessoas por envolvimento em assalto com morte em Feliz Brigada Militar prende casal com pés de maconha e outras drogas em Passo Fundo Treze pessoas morrem em acidente entre caminhão e van em Minas Gerais Força tarefa termina com festas clandestinas em Passo Fundo