Filipinas suspendem compra de frango do Brasil por medo de coronavírus

Compartilhe
Foto: Divulgação / SulGesso   Foto: Divulgação / SulGesso 

As Filipinas suspenderam a importação de carne de frango do Brasil depois que uma cidade chinesa informou ter encontrado vestígios do novo coronavírus em uma embalagem de asa de frango congelada vinda de um frigorífico brasileiro.

A decisão é do Departamento de Agricultura das Filipinas. O órgão informou que a medida é transitória, mas não detalhou por quanto tempo a proibição fica em vigor. Segundo o governo filipino, a medida ocorre por precaução.

Possível fonte da contaminação, a Cooperativa Central Aurora Alimentos reiterou o comunicado emitido ontem. A companhia informou não ter sido oficialmente notificada pelo governo chinês de qualquer contaminação, reiterando que, até agora, só tomou conhecimento do problema por meio de uma notícia veiculada na imprensa local da cidade de Shenzhen.

O Ministério da Agricultura do Brasil não emitiu nenhuma nota sobre a decisão do governo filipino. Ontem, a pasta informou ter pedido explicações ao governo chinês sobre o frango supostamente contaminado.

Por meio de nota, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) também ressaltou não ter sido notificada pelos governos da China e das Filipinas. A entidade comprometeu-se a apoiar o Ministério da Agricultura na prestação dos esclarecimentos e reiterou que os exportadores brasileiros seguem todas as medidas recomendadas para proteger os trabalhadores e garantir a ausência de risco dos produtos durante a pandemia.

A associação destacou não haver evidências científicas de que o vírus seja transmitido por carne congelada. O comunicado citou a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO), a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Agência Brasil


Leia Também Caixa abre agência neste sábado em Passo Fundo Caixa paga auxílio emergencial para 3,9 milhões de nascidos em junho Sicredi inicia pré-cadastro dos associados para adesão ao Pix Especialista em Economia Agrária avalia razões da elevação do preço do arroz