INSS marca atendimento presencial para o dia 14, mas servidores anunciam greve nacional

Compartilhe
As agências do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) de todo o Brasil, incluindo Passo Fundo, programaram para a próxima segunda-feira, dia 14, o retorno do atendimento presencial. Entretanto, o retorno pode ficar comprometido.
Os servidores das unidades estão anunciando o interesse de fazer uma chamada greve sanitária em defesa da vida. O setor afirma que não tem interesse de retornar às atividades normais sem a segurança em relação ao controle do coronavírus. O movimento é organizado pela Federação Nacional dos Servidores da Previdência Social. A direção do INSS de Passo Fundo está aguardando a orientação nacional sobre os encaminhamentos. O Instituto procurou reabrir os postos pelo menos três vezes em um mês, mas voltou atrás em sua decisão.
 O serviço presencial foi suspenso no dia 24 de março. Na oportunidade, se acreditava que a situação pudesse se normalizar em 30 de abril

Leia Também Justiça derruba liminar e determina volta dos peritos às agências do INSS Segundo ano sem horário de verão divide opiniões dos brasileiros Sistema do TSE pretende permitir voto pela internet em futuras eleições Centro de Distribuição da Amazon no Rio Grande do Sul abre seleção para 700 vagas