Chega a 14 número de mortos na Turquia e Grécia após terremoto

Compartilhe
Mehmet Emin Menguarslan/EFE/EPA   Mehmet Emin Menguarslan/EFE/EPA  

Subiu para quatorze o número de pessoas que morreram na Turquia e na Grécia depois que um forte terremoto atingiu o Mar Egeu na sexta-feira (30), derrubando prédios e provocando ondas que atingiram áreas costeiras e ilhas.

As pessoas correram para as ruas em pânico na cidade turca de Izmir, disseram testemunhas, depois que o terremoto atingiu uma magnitude de até 7,0. Os bairros foram inundados com o aumento da água do mar, que varreu os destroços para o interior e deixou os peixes encalhados à medida que recuavam.

A Presidência de Gestão de Emergências e Desastres da Turquia (AFAD) disse que 12 pessoas morreram, uma por afogamento, enquanto 419 pessoas ficaram feridas. Na ilha grega de Samos, dois adolescentes, um menino e uma menina, foram encontrados mortos em uma área onde um muro havia desabado.

As operações de busca e resgate continuaram em 17 edifícios desmoronados ou danificados, disse o AFAD. O governador de Izmir disse que 70 pessoas foram resgatadas sob os escombros.

Ilke Cide, estudante de doutorado que estava na região de Guzelbahçe, em Izmir, durante o terremoto, disse que foi para o interior depois que as águas subiram após o terremoto.

Fonte: R7

Leia Também No sétimo dia da morte de João Alberto, lojas do Carrefour amanhecem fechadas em todo o Brasil Morre Luis Fabiano Motta, fundador da Banda Brilha Som Expectativa de vida no Brasil sobe para 76,6 anos Calor: Passo Fundo registrou 35,1ºC nessa quarta-feira, a maior marca dos últimos 40 anos em novembro