Em comemoração aos 23 anos do PROERD no RS, BM finaliza a Gincana Missão Possível

Compartilhe

Encerrou na última quarta-feira (3/3) a Gincana Missão Possível do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) da Brigada Militar.

A atividade teve como objetivo desenvolver dinâmicas culturais e de integração entre os instrutores do PROERD e público das suas respectivas localidades de atuação. A gincana também buscou instigar o espírito comunitário por meio de ações voluntárias individuais e coletivas.

Cada tarefa da Gincana contou com um desafio que as equipes tiveram de realizar. A comissão organizadora da Gincana divulgava diariamente as missões e cada equipe tinha prazo estabelecido previamente para conclusão da mesma. Entre as ações estavam a doação de sangue e arrecadação de mechas de cabelo que foram entregues a ONGs que tratam pacientes em tratamento contra o câncer.

A Gincana Missão Possível foi realizada em todas as unidades da Instituição onde o programa é realizado e como uma das formas de comemoração alusiva aos 23 anos do PROERD no Rio Grande do Sul. Cada Comando Regional teve a possibilidade de cadastrar uma única equipe. 218 instrutores do PROERD se inscreveram na gincana.

A ideia de realização do evento surgiu da Coordenação Estadual do Proerd e, segundo a Coordenadora Técnica Major Karine Pires Soares Brum, foram dois os principais motivos: “A ideia surgiu pelo fato de neste ano não ser possível realizar toda aquela interação durante seminário com a participação dos instrutores e já que o momento da pandemia deixou mais visível a necessidade de ajudarmos uns aos outros, então através dessas campanhas solidárias que a BM já realiza a Gincana veio para permitir essa integração regional dos instrutores, mobilizar e fortalecer o grupo para que consigamos atingir esses resultados.”

A Gincana Missão Possível teve os seguintes vencedores na categoria regional:
Em 1? lugar, o Comando Regional de Polícia Ostensiva Fronteira Noroeste;
em 2? lugar, o Comando Regional de Polícia Ostensiva Planalto e
em 3? lugar, o Comando Regional de Polícia Ostensiva Fronteira Oeste.

Já na categoria individual, os vencedores foram:
Em 1º lugar, Marizete Richwicki, do CRPO Planalto/Passo Fundo;
Em 2º lugar, Elizabeth Yuri Matsuki, do CRPO Fronteira Oeste/Uruguaiana e
em 3º lugar, Ana Paula da Silva, do CRPO Fronteira Noroeste/Três de Maio.

Os resultados foram divulgados durante o VIII Seminário do PROERD, sendo no total arrecadados 15.674 materiais escolares, 384 doações de sangue foram realizadas e 978 mechas de cabelo foram doadas, mostrando a força que o programa tem no Estado.

Fonte: Brigada Militar


Leia Também Padrasto agride garoto e câmera de aula virtual flagra violência em Erechim Mãe de Henry era agredida e foi enforcada por Jairinho, diz defesa Contrabando: em 2 anos Brasil apreende 114 milhões de maços de cigarro Brigada Militar prende quatro pessoas com carro furtado em Passo Fundo