Grupo que invadiu área da Prefeitura é retirado do local

Compartilhe

Um grupo que havia invadido uma área da prefeitura foi retirado, após tentar acampar para construir moradias.

Moradores do Bairro Cidade Nova fizeram o relato de que uma nova invasão estaria acontecendo na última terça-feira, 06.

Segundo o relato feito pelos representantes do movimento à reportagem da Rádio Planalto News (FM 92.1), elas chegaram ao local, por se tratar de uma área que não está sendo utilizada. Foi montada a estrutura no local, com barracas ao longo do dia.
O Departamento de Jornalismo da Planalto News solicitou junto à Prefeitura Municipal uma posição sobre o local. 

O Setor de Patrimônio, Secretaria de Habitação e Brigada Militar estiveram no local pela manhã e durante a tarde.

No passado, a Secretaria Municipal de Habitação já tentou utilizar a área para fins habitacionais, mas há impeditivo em face da atual Lei Orgânica Municipal.

Nesta quinta-feira, 08, em contato com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Passo Fundo, foi ontem (07) constatado que novamente o grupo de invasores foi retirado do local.

A Secretaria de Serviços Gerais também esteve no local e limpou a área.

Mensagens recebidas na programação da Planalto News elogiam o trabalho rápido da Brigada militar e Prefeitura Municipal.

“Por favor, leia e repassem no ar nossa agradecimento a Prefeitura municipal de Passo Fundo, guarda municipal, Brigada Militar que em menos de 24h resolveram e expulsaram os invasores do terreno no Bairro Cidade Nova.

Nesse momento a prefeitura trabalha lá fazendo a limpeza do terreno.

Tomara que fechem o terreno que é APP.

Muito obrigado a rádio também que amplamente divulgou quando solicitado na data de ontem.” 

Leia Também Bazar da APAE acontece nesta terça-feira Passo Fundo Solidária: ganhador do leilão, Kaizer Viebrantz, recebe faca personalizada das Rádios Planalto Motoristas profissionais com toxicológico realizado há mais de dois anos e meio devem renovar o exame Avião tem pane seca ao sair de aeroporto e vigilante confessa furto de combustível