A Jornada do Autoconhecimento

Postado por: Élvis Mognhon

Compartilhe

A busca pelo autoconhecimento é muito antiga na história da humanidade. Uma frase à entrada do Templo de Delfos ficou universalmente conhecida: “Conhece-te a ti mesmo”. Mas você conhece a si mesmo?

O caminho do autoconhecimento é repleto de obstáculos. Muitas vezes vemos apenas as sombras de algo maior e que nem sempre é claro para nós. A alegoria do Mito da Caverna de Platão, ajuda a compreender o quanto muitas vezes nos deixamos enganar pelas sombras e deixamos de olhar a realidade como de fato se apresenta para nós.

Apesar das dificuldades inerentes ao processo, o caminho do autoconhecimento é encantador e libertador. Uma vez feita a opção por esse caminho, é fundamental não retroceder. A cada descoberta, são geradas novas buscas. A autorreflexão faz parte desse processo e ganha contornos inimagináveis.

Muitas vezes temos medo de acessarmos nosso interior. Esse medo muitas vezes nos incapacita e nos impede de sermos mais felizes e libertos. Sempre costumo dizer que o caminho do autoconhecimento é um caminho sem volta, e a cada vez que avanço nele, me sinto impelido a ir além, fazendo novas descobertas e vivendo plenamente.

Faça você também a experiência do autoconhecimento. Busque ajuda profissional se essa prática não for confortável para você. A psicoterapia pode ajudar sobremaneira a diferenciar o que são sombras, daquilo que é realidade. Não deixe para amanhã o pontapé inicial nesse processo.

 

** O leitor poderá enviar sugestões, dúvidas, questionamentos sobre o tema para o e-mail: emognhon@gmail.com Para agendar atendimentos clínicos utilizar o WhatsApp (54) 99983 9966.

Leia Também RABISCOS SEMANAIS: Rosto de Emanuel! Quais os caminhos da Direita e da Esquerda? Uma cidade Encantadora!? As Festas de Final de Ano e os Traumas