Cremers divulga nota de repúdio ao exercício ilegal da Medicina por profissionais não médicos

Compartilhe

Confira a nota na íntegra:

O Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio Grande do Sul (Cremers) manifesta veemente repúdio ao exercício ilegal da Medicina, praticado por profissionais de qualquer área ou por não profissionais, sem formação ou capacitação específica para a assistência médica à população, como tem ocorrido em municípios das Regiões Sul e Fronteira Oeste do estado.

Essa prática trata-se de exercício ilegal da Medicina e, muitas vezes, com consequências como o agravamento de quadros clínicos, comprometendo a saúde de pessoas que são ludibriadas com orientações incorretas e até prejudiciais à vida.

Dessa forma, o Cremers alerta a população que não aceite promessas no sentido de obter vantagens financeiras ou outras, colocando em risco a própria saúde ou a de pessoas sob sua responsabilidade, como no caso de exames de acuidade visual praticado por não médicos.

O Cremers informa que vai tomar as medidas necessárias para combater o exercício ilegal da Medicina, bem como orienta a população para denunciar essa prática por meio do site cremers.org.br ou pelo e-mail denuncia@cremers.org.br.

Leia Também Federação dos Hospitais Filantrópicos do RS promove evento para debater os cenários e perspectivas para 2022 Casos de Aids entre jovens aumenta no Brasil Com a farmácia da UBS São Luiz Gonzaga, Prefeitura facilita o acesso a medicamentos Alterado local para eleição do Conselho Municipal de Saúde