O Canal do Rio Grande

Promessa do laço comprido: surge um talento em Nicolau Vergueiro!

Compartilhe
Com apenas 3 anos e 8 meses de idade, o pequeno Felipe Burgel de Nicolau Vergueiro (RS) vem conquistando troféus e o coração dos aficcionados pelo rodeio. No final de semana não foi diferente no V rodeio crioulo de Vila Maria (RS).
O pequeno levou outro troféu para casa. Já é o segundo título. O que chama a atenção é a perícia com o laço na mão, a forma de fazer a armada, boleio e a firmeza com que laça a vaca parada. Isso faz com que até os consagrados laçadores adultos parem para ver o guri!
E, como diz o ditado "sangue não é água”, tem tudo a ver com Felipe. Ele é da 4ª geração da família de laçadores. O bisavô Maneco, proprietário da cancha de laço que dá nome ao piquete de laçadores Lenço Branco, foi o precursor. Seu avô Paulo, seu tio Vítor e seu pai Rafael completam o time de laçadores. Inclusive Rafael e Vítor, além de multicampeões, fazem parte da seleção da 3ª microrregião.
A mãe Bianca, apesar de não praticar o esporte é a grande incentivadora e acompanha em todos os rodeios e relata que a brincadeira preferida do menino é laçar! 
"Que bom que temos o rodeio, esporte da família!", destaca.

Leia Também Canguçu contará com Geração e Distribuição da Chama Crioula em agosto Confira a programação do 4º Rodeio Artístico Internacional do Planalto Definida a programação do Enartinho de julho em Marau Seara da Canção de volta à área urbana de Carazinho