Comunicação assertiva

Postado por: Élvis Mognhon

Compartilhe

A nossa comunicação precisa ser assertiva. Nem sempre conseguimos expressar aquilo que de fato queremos, pretendemos ou estamos sentindo. Uma comunicação mais adequada precisa pautar nossas relações.

Nas relações de trabalho é perceptível quanto a comunicação impacta o cotidiano das organizações. Equipes de trabalho precisam fortalecer a comunicação e utilizá-la de forma adequada e em prol de objetivos maiores dento da organização. Numa rápida pesquisa dos principais gargalos empresariais, a comunicação desponta como um dos principais elementos.

Muitas empresas têm apresentado seus manifestos. Os manifestos buscam expressar as intenções da empresa à sociedade, aos clientes internos e externos, aos consumidores/tomadores de serviços.

As intenções da empresa precisam chegar a todos os colaboradores, promovendo o engajamento. Missão, visão e valores não podem apenas ilustrar as paredes da empresa, mas precisam ser vivenciados pelos membros da organização. Os colaboradores percebem rapidamente quando há contradições entre os discursos e as práticas organizacionais. A empresa não pode apenas dizer que os colaboradores são reconhecidos/valorizados, precisa garantir através de suas políticas que isso ocorra de fato. A rotatividade e o absenteísmo são dois indicadores que demonstram com propriedade tal contradição.

Todas as nossas relações são permeadas pela comunicação. Somos seres sociais e através da comunicação expressamos essa relação. A comunicação precisa fluir de forma leve e eficaz, quanto mais protelada, pior ela será e menos assertiva. Ela precisa garantir que todos estejam na mesma página e ninguém fique pelo caminho. Todos precisam alcançar o entendimento de suas responsabilidades, direitos e deveres nos mais diversos âmbitos de interação.

 

** O leitor poderá enviar sugestões, dúvidas, questionamentos sobre o tema para o e-mail: emognhon@gmail.com Para agendar atendimentos clínicos utilizar o WhatsApp (54) 99983 9966.

 

Leia Também O Senhor está próximo És tu o Messias esperado? OS TRÊS OPERÁRIOS RABISCOS SEMANAIS: Rosto de Emanuel!