Constatações

Postado por: Dilerman Zanchet

Compartilhe

Tenho visto e ouvido muitas coisas, principalmente depois do início da Copa do Mundo, e confesso do meu temor pelo futuro do Brasil, se não ocorrerem mudanças, principalmente na ordem comportamental. Não seria a pessoa mais indicada para apontar os acertos, mas como cidadão comum posso indicar alguns defeitos. Até porque é mais fácil fazer isso. Todos fazem: desde políticos a jornalistas, radialistas, apresentadores de tv, etc.

Alguns apontamentos:

- A rodovia que liga Passo Fundo a Erechim continua cobrando pedágio, mesmo depois de o governo ter dito que não seria mais feito isso. Embora eu concorde com o pagamento dos pedágios aos moldes dos preços praticados, o trecho entre Sertão e Getúlio Vargas está pedindo “pelamordeDeus” para que seja recapado. Pelo menos que os buracos sejam tapados;

- No trecho entre Getúlio e Erechim tem uma demarcação de pista por se tratar de área indígena. Porém não existe nenhuma demarcação em nenhum outro local onde tenham escolas, em nenhuma rodovia que circunda a região norte. Os índios tão podendo mais que todos, nos últimos tempos, neste país;

- Muitos dos que criticam a Seleção Brasileira não entendem bolhufas de futebol e a cada jogo que passa mordem a língua;

- Neymar é mais namorado de alguns narradores e comentaristas do que da Bruna;

- A narração das Tvs Globo e Band os jogos do Brasil deveria ser feita diretamente da arquibancada. Não são profissionais e sim torcedores.

- Ninguém – Polícia rodoviária, Prefeitura, DNIT – ninguém vai resolver o problema do fluxo de trânsito nos acessos da UPF. Pelo menos até o final do ano que vem;

- Em Passo Fundo, antes de você montar um estabelecimento comercial, parece ser imprescindível pedir à Prefeitura para que fixe uma área de carga e descarga em frente à loja. Incrível a quantidade destes espaços que seriam destinados a estacionamento têm no centro;

- Não concordo com o governo da PresidentE Dilma, mas nem por isso concordo com as vaias e palavras de baixo calão proferidas à ela em São Paulo. É a mandatária e, gostemos ou não, foi eleita. O protesto deve ser feito de outra forma;

Tem mais, daqui há alguns dias.

Leia Também 33º Domingo do Tempo Comum. O Enart, de novo! A importância de ter uma recepcionista/secretária preparada em seu consultório. Feito é melhor que perfeito