Prefeitura apresenta projeto para elaboração do ‘Radar do Turismo’

Compartilhe
Fotos: Ari Machado / Planalto News   Fotos: Ari Machado / Planalto News 

Projeto será executado pelo Município e pelo Sebrae-RS, apresentando perspectivas para a atração de novos empreendimentos e projetos. Entre as iniciativas estão a potencialização do Complexo Turístico da Roselândia e o desenvolvimento de políticas públicas de estímulo a diferentes iniciativas turísticas

Promover o turismo e suas potencialidades, tão importante para a economia local está entre os objetivos da construção de um plano envolvendo perspectivas de fomento ao setor. O projeto Radar do Turismo, um dos produtos adquiridos pela Prefeitura de Passo Fundo com o Sebrae-RS, foi apresentado pelo prefeito, Pedro Almeida, durante a tarde desta quarta-feira (03), às entidades de classe, empresários locais e demais organizações que serão beneficiadas com a iniciativa.

Conforme o prefeito, a identificação do cenário atual do turismo no município e as possibilidades de expansão e crescimento da atividade são variáveis importantes que vão compor o documento que será elaborado pelo Sebrae-RS. “Firmamos este convênio para podermos mapear quais projetos estão sendo realizados hoje e de que maneira o Poder Público pode incentivar e fomentar avanços. É um estudo que leva em consideração diversos contextos para apresentar caminhos possíveis de serem construídos”, avaliou Pedro.

Entre as iniciativas destacadas, afirmou o chefe do Executivo, está a revitalização e o reposicionamento do Complexo Turístico da Roselândia. Segundo ele, a Roselândia é uma região reconhecida por abrigar, além do Parque de Rodeios, também clubes sociais, kartódromo, áreas residenciais e de recursos naturais que podem ser utilizados para expandir as atividades existentes no espaço, fortalecendo o local como pólo de atração turística. “Este é um investimento importante para o desenvolvimento de novas atividades econômicas. Por isso, nós já estamos trabalhando na realização de obras de infraestrutura e melhorias que vão dar mais sustentabilidade a projetos futuros”, explicou o prefeito.

Com o convênio feito entre a Prefeitura e o Sebrae-RS, assegurou Pedro, será possível ao Município construir planejamentos de curto, médio e longo prazos para ações focadas em programas de expansão do turismo. A apresentação dos projetos, que contemplam ainda a construção do Plano Municipal do Turismo, ocorreu na sede da Acisa e integra as programações alusivas ao aniversário de 165 anos de Passo Fundo.

Complexo Turístico da Roselândia
O secretário de Planejamento, Giezi Schneider, complementou que, em função de sua relevância, a Roselândia foi contemplada pelo Governo do Estado no programa Avançar no Turismo. Com R$ 3 milhões de recursos estaduais e R$ 2,4 milhões de contrapartida do Município, a Avenida Araucária, que dá acesso ao complexo, será revitalizada em uma extensão de 2,1 quilômetros.

As obras contemplarão drenagem, pavimentação asfáltica, implantação de ciclofaixa sinalizada e de um caminhódromo no canteiro central, além de nova iluminação e paisagismo. “A obra qualificará essa importante via para a comunidade que já reside ali e para as pessoas que utilizam os clubes e outros espaços de lazer e turismo disponíveis. Também melhorará o acesso ao distrito de São Roque e potencializará a atratividade da região para futuros empreendimentos”, mencionou.

Ainda, a Prefeitura confirmou investimentos na revitalização do Parque de Rodeios, com recuperação da estrutura interna e dos acessos principais e secundários, além da reforma dos banheiros, novo cercado e doca para descarga dos animais e melhorias das instalações administrativas.

Potencial para o desenvolvimento
Ao falar sobre o Radar do Turismo, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Diorges Oliveira, reforçou que o documento cumpre um importante papel de auxiliar o Município na tomada de decisões propositivas para o incentivo ao setor turístico em Passo Fundo. “Esse é um instrumento fundamental para a inclusão de Passo Fundo em políticas públicas que permitam o repasse de recursos governamentais, sobretudo, do Ministério do Turismo. Com o Radar, poderemos reforçar os potenciais do município a partir de um levantamento que considera o mapeamento dos atrativos turísticos, a infraestrutura e os serviços disponíveis. As informações também serão utilizadas para qualificação do setor com o fortalecimento da rede existente e a atração de novos investimentos”, apontou.

O secretário comentou ainda que o Sebrae-RS tem experiência em ajudar as prefeituras a visualizarem as potencialidades do turismo. “Este vai ser um empenho coletivo, que conta com o poder público, entidades e empresários”, argumentou Oliveira. Para a diretora do Sebrae-RS, Silvana Conterato Berguemmaier, a parceria entre a instituição e o Município será importante para mostrar as potencialidades turísticas que podem ser exploradas para fomentar o desenvolvimento do setor.

Durante a atividade, a especialista em Competitividade Setorial do Turismo do Sebrae-RS, Amanda Bonotto Hoffmann Paim, fez uma apresentação sobre o plano de atividades que será desenvolvido.



Leia Também Moradores do Loteamento Independente II fazem manifestação em busca de apoio para melhorias na área verde Dois anos depois, sonho do abrigo na parada de ônibus vira realidade entre os bairros União e Operária Garçons com mais de 20 anos de experiência são homenageados pela Prefeitura SENAI Passo Fundo celebra 50 anos de história: mais de 59 mil pessoas foram formadas pela instituição