Prefeitura de Passo Fundo leva ônibus do É o Bicho para o interior e castra gratuitamente os animais

Compartilhe

Em uma ação inédita, a Prefeitura leva o programa É o Bicho para o interior e está fazendo as castrações gratuitas de cães e gatos. Na manhã desta quarta-feira (31), o ônibus esteve em Bela Vista para devolver os animais que foram recolhidos na segunda-feira (29) e encaminhados para  castração nas clínicas conveniadas com o Município.

Márcio Vizotto chegou no ponto de encontro, em frente à igreja da comunidade, no horário marcado, às 10h, para buscar a Pretinha. “Para nós, foi muito bom contar com o programa É o Bicho. Os animais foram bem recebidos e tratados. Agradecemos muito. Lá em casa, tenho seis. Trouxe um para experimentar e, na próxima vez, trago o restante”, contou.

O secretário de Meio Ambiente, Rafael Colussi, explica como está funcionando o atendimento do interior. “Nós organizamos um cronograma e, com o auxílio dos sub-prefeitos, identificamos os animais para castrar. No dia marcado, vamos buscar com o ônibus e, 48 horas depois, os animais retornam para as famílias castrados e microchipados”, afirma.

Já foram atendidos os distritos de Bom Recreio, Santo Antônio do Capinzal e Bela Vista e, nesta tarde de quarta-feira, o ônibus está em São Roque. Todas as sete comunidades receberão o programa.

Também moradora da Bela Vista, Luciana Dalmaso castrou gratuitamente o gatinho Fumaça e o cão Thor e lembrou dos benefícios do procedimento para os animais. “Estávamos pensando na castração e tivemos essa oportunidade. Castrados, eles ficam mais caseiros, têm mais saúde e não procriam”, enfatizou.

A veterinária Juliana Silva, que atua na Secretaria de Meio Ambiente, faz todo o acompanhamento dos animais, orientando os tutores sobre o processo e os cuidados pós-operatórios. “Essas comunidades não haviam sido assistidas com o ônibus. As pessoas se sentem gratas e nós ficamos felizes por fazer a diferença. Fazer o controle populacional dos caninos e felinos é essencial para que não haja o aumento dos animais”, ponderou.

Desde outubro de 2014, mais de 8,2 mil animais já foram castrados pelo programa É o Bicho. A Coordenadoria do Bem-Estar Animal organiza o cronograma de atendimentos das comunidades da cidade.

O Prefeito de Passo Fundo, Pedro Almeida, considera que o Município trabalha para ampliar os recursos destinados à área do bem-estar animal, buscando o fortalecimento do É o Bicho e a implementação de ações em outras frentes. “Em conjunto com a rede de proteção, estamos avançando na consolidação de políticas públicas. Hoje, além do É o Bicho, temos o Acolhe Pet, que contribui financeiramente com protetores que disponibilizam lar temporário a animais resgatados, e o Banco de Ração, que é novo e ajuda na manutenção de animais de pessoas que precisam”, mencionou.

Foto: Cristian Puhl

Leia Também Chuvas afetam oito estados pelo Brasil e matam ao menos 15 pessoas Enriquecimento florestal: áreas de preservação da FUPF começam a ganhar 400 novas mudas de araucárias Trabalhos de conscientização sobre a causa animal retornam às escolas Cobra encontrada em via pública no Bairro Cidade Nova