Shopping de R$ 120 milhões em Passo Fundo

Postado por: João Altair da Silva

Compartilhe

A notícia de que será construído um Shopping de R$ 120 milhões no Bairro São Cristóvão, em Passo Fundo, transmitida pelo prefeito Luciano Azevedo é auspiciosa e encorajadora  para a comunidade.  Será o marco inicial do propalado desenvolvimento que ouço constantemente de seu secretário do setor em reuniões com empresários. “Vamos retomar o caminho do desenvolvimento de Passo Fundo”, costuma dizer ele.  Esquece a atual administração que na sua antecessora vieram para o município Italac, Ambev, BS Bios e Manitowok,  conquistas inéditas na história do município para um período tão pequeno de tempo e que tomara que um dia se repita, o quanto antes melhor. Não sou profeta da administração passada, mas é preciso reconhecer esses grandes investimento que vieram. Talvez nem foi tanto pelas autoridades mas pelas circunstâncias de mercado como o programa de bio  combustíveis  do governo federal e a necessidade de as indústrias  lácteas se expandirem no Rio Grande do Sul, o segundo estado maior produtor de leite do país.  

Passados quase dois anos  da administração atual,  na área do desenvolvimento  econômico ainda não tínhamos percebido praticamente nada que pudesse deixar a sua marca. Até então tem sido uma gestão tímida, baseada em pequenos programas.

Os R$ 120 milhões anunciados  são recursos maiores de que o de algumas montadoras instaladas no Estado.  Um Shopping com 280 lojas além de uma série de outras empresas poderá mesmo gerar mais de dois mil empregos.  Irá transformar aquela região da cidade e repor um investimento perdido que foi o Z.D. Costi, dono  da consagrada marca Deliciosa, que conquistou mercados exigentes como a Espanha, Bélgica, Portugal e Ilhas Canárias.


Leia Também 33º Domingo do Tempo Comum. O Enart, de novo! A importância de ter uma recepcionista/secretária preparada em seu consultório. Feito é melhor que perfeito