Esperança agora de crescimento do E. C. Passo Fundo

Postado por: Luiz Carlos Carvalho

Compartilhe
Olá, amigos internautas!

O Esporte Clube Passo Fundo vem de um empolgante em jogo empolgante na cidade de Rio Grande. Foi uma noite de superação, até mesmo para a Equipe Show de Bola 730 da Rádio Planalto AM para conseguir transmitir. Foi necessário contar as emoções do jogo por um telefone convencional. Isso com todos os avanços da tecnologia. Enquanto isso, o tricolor conquistava um ponto de forma suada no Estádio Aldo Dapuzzo.

O Passo Fundo começou o jogo cometendo os mesmos erros de posicionamentos de jogos anteriores. Em cobrança de falta do lado direito, Teco subiu sozinho para marcar. A zaga não subiu e o goleiro Vanderlei também ficou na meta. Depois disso, o time se corrigiu, principalmente com a entrada de Felipe Klein e a excelente cobertura de Alexandre Choco, que encontrou o seu lugar no setor de marcação.

Já no final do primeiro tempo, o tricolor era melhor. Parou em boas defesas do goleiro Vilar e teve um gol anulado nos acréscimos. Na abertura do tempo final, o esquadrão do técnico Beto Campos tornou-se soberano, criando uma série de oportunidades, até que, em uma falta levantada por Souza, Michel subiu para empatar em 1x1.  Foi a volta do artilheiro do Campeonato Gaúcho. Na comemoração fez questão de cobrar até o abraço do treinador, que sempre o incentivou para que recuperasse o bom momento.

No final, o time do São Paulo pressionou, pois ainda não havia vencido em casa. Praticamente aos 50 minutos aconteceu o momento fatídico: após cobrança de falta, a bola foi tocada para a rede. Os jogadores do time da casa partiram para comemorar, momento em que a auxiliar Andreza Mocelin levantou o seu instrumento, apontando irregularidade. Foi um ato de coragem e, principalmente, personalidade da bandeirinha. Outros não fariam o mesmo. Apontou com convicção. O empate de 1x1 ficou encaminhado.

A esperança agora é de crescimento na tabela, após o Passo Fundo sair da zona de rebaixamento. O jogo é neste domingo, às 16 horas, no Vermelhão da Serra contra o Cruzeiro. Compromisso difícil, diante de um bom adversário, que tem o melhor goleiro até aqui: Bruno Grassi, de belas recordações para os torcedores do Planalto Médio.

Vamos esperar a vitória. Até a próxima. Sejam felizes, vocês merecem!



Leia Também A ciência como ferramenta para a sabedoria Quebra-molas são permitidos, “em casos especiais” Passo Fundo Futsal/Fasurgs/Zamil: uma grande equipe nos representou em 2017 A Taça Maldita!