Passo Fundo iniciará a vacinação de crianças a partir dos seis meses contra a Covid-19

Compartilhe
Foto: Arquivo Rádio Planalto News   Foto: Arquivo Rádio Planalto News 

Com a confirmação de chegada de 300 doses da vacina Pfizer pediátrica, Passo Fundo iniciará nesta semana a imunização das crianças de seis meses a três anos incompletos contra a Covid-19. Devido ao quantitativo, as aplicações serão direcionadas, inicialmente, ao grupo desta faixa etária que possui comorbidades, seguindo recomendação do Ministério da Saúde.

As aplicações serão realizadas na quinta (17) e sexta-feira (18), na Central de Vacinas, das 8h às 16h, sem intervalo ao meio-dia. Os pais ou responsáveis deverão procurar a unidade portando os documentos pessoais e um atestado que comprove a comorbidade, como declaração, prescrição médica ou relatório médico com descritivo ou CID da doença.

De acordo com a coordenadora de Vigilância em Saúde, Marisa Zanatta, a ampliação da vacinação para todas as crianças dos seis meses aos três anos incompletos dependerá de como será a procura e do encaminhamento de mais doses. “Temos uma população de 8,2 mil crianças nesta faixa etária. Aguardaremos o andamento do processo para informar a comunidade”, destaca.


Comorbidades definidas pelo Ministério da Saúde

Diabetes mellitus

Pneumopatias crônicas graves

Hipertensão Arterial Resistente (HAR)

Hipertensão arterial estágio 3

Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo

Doenças cardiovasculares

Insuficiência cardíaca (IC)

Cor-pulmonale e Hipertensão pulmonar

Cardiopatia hipertensiva

Síndromes coronarianas

Valvopatias

Miocardiopatias e Pericardiopatias

Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas

Arritmias cardíacas

Cardiopatias congênita

Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados

Doenças neurológicas crônicas

Doença cerebrovascular

Doença renal crônica

Imunocomprometidos

Hemoglobinopatias graves

Doença falciforme e talassemia maior

Obesidade mórbida

Síndrome de Down

Cirrose hepática



Como fica a vacinação
Públicos

- 1ª dose para pessoas acima de 12 anos, gestantes e puérperas
- 2ª dose de Coronavac para todas as pessoas que precisam completar o esquema vacinal (intervalo é de 28 dias)
- 2ª dose de Pfizer para as pessoas com 18 anos ou mais que precisam completar o esquema vacinal (intervalo é de oito semanas)
- 2ª dose de Pfizer para adolescentes que precisam completar o esquema vacinal (intervalo é de oito semanas)
- 2ª dose de AstraZeneca para todas as pessoas que precisam completar o esquema vacinal (intervalo é de oito semanas)
- 3ª dose (reforço) para todas as pessoas acima de 12 anos que receberam a segunda dose há, no mínimo, quatro meses
- 2ª dose de reforço para pessoas com 18 anos ou mais que fizeram o primeiro reforço há quatro meses ou mais

Cais São Cristóvão, Cais Petrópolis, Cais Vila Luíza, Cais Hípica, Cais Boqueirão, Ambulatório de Especialidades, ESF Nenê Graeff, ESF Zachia, Ambulatório São José, ESF Donária/Santa Marta, ESF São Luiz Gonzaga, ESF Adirbal Corralo, ESF Planaltina, ESF São Cristóvão, ESF Adolfo Groth, ESF Jaboticabal, UBS Vila Nova, UBS Parque Farroupilha e Central de Vacinas.

ESF, UBS e ambulatórios: de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h às 16h30
Cais e Central de Vacinas: de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h
Cais Petrópolis: de segunda a sexta-feira, das 8h às 21h30


Exclusivo para quem fez a vacina Janssen
-
 Reforço para todas as pessoas com 18 anos ou mais que fizeram a vacina Janssen no esquema primário (dose única) há, no mínimo, dois meses
- 2ª dose de reforço para pessoas com 18 anos a 39 anos (não gestantes e puérperas) que fizeram a vacina Janssen no esquema primário (dose única), independente do imunizante utilizado no primeiro reforço
- 3ª dose de reforço para pessoas com 18 anos ou mais (não gestantes e puérperas) que fizeram a vacina Janssen no esquema primário (dose única), independente do imunizante utilizado nos reforços anteriores.


Cais São Cristóvão, Cais Petrópolis, Cais Vila Luíza, Cais Hípica, Cais Boqueirão, Ambulatório de Especialidades, ESF Nenê Graeff, ESF Zachia, Ambulatório São José, ESF Donária/Santa Marta, ESF São Luiz Gonzaga, ESF Adirbal Corralo, ESF Planaltina, ESF São Cristóvão, ESF Adolfo Groth, ESF Jaboticabal, UBS Vila Nova, UBS Parque Farroupilha e Central de Vacinas.

ESF, UBS e ambulatórios: de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h às 16h30
Cais e Central de Vacinas: de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h
Cais Petrópolis: de segunda a sexta-feira, das 8h às 21h30


Na Central de Vacinas
-
 Dose adicional para adolescentes de 12 a 17 anos imunocomprometidos (intervalo mínimo de oito semanas da segunda dose)
- 3ª dose para imunossuprimidos

1ª dose para crianças de 3 a 11 anos
- 2ª dose de Pfizer para todas as crianças que precisam completar o esquema vacinal (intervalo é de oito semanas)
- 2ª dose de Coronavac para todas as crianças que precisam completar o esquema vacinal (intervalo é de quatro semanas)

- 1ª dose para crianças de 6 meses a 3 anos incompletos (2 anos, 11 meses e 29 dias) com comorbidades


Horário: de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h

Leia Também Covid-19: OMS pode determinar fim da emergência mundial nesta sexta-feira Estado recorda os 2 anos do início da vacinação contra a Covid-19: 27 milhões de doses aplicadas Chegam ao estado novas doses para imunização de crianças contra a Covid-19 Covid-19: Município recomenda a vacinação e o uso de máscara por idosos e imunossuprimidos