Vírus causador de surto de diarreia é encontrado em rio de Florianópolis

Compartilhe
Foto: Divulgação   Foto: Divulgação 

O norovírus, apontado em análises preliminares como causador da epidemia de diarreia em Florianópolis, Santa Catarina, foi detectado no Rio do Brás, que chega até a areia da praia de Canasvieiras, uma das mais famosas e frequentadas da cidade. O balneário está totalmente impróprio para banho e a falta de saneamento básico pode ajudar na circulação do vírus, segundo especialista.

Até a noite de sexta (20), 3.241 pessoas haviam procurado a rede pública municipal de saúde desde o início do mês para tratar a doença.

A detecção do norovírus no Rio do Brás ocorreu porque, além das amostras de fezes dos pacientes, também se faz uma busca ambiental pelo agente causador da epidemia. Foram feitas três coletas em locais diferentes e, dessa forma, foi encontrado o vírus em Canasvieiras.

Leia Também Justiça autoriza recontratação de cubanos do Mais Médicos Médica explica relação entre o uso excessivo de telas e o aumento dos casos de miopia Administração do Hospital de Clínicas afirma que até fevereiro de 2023 as reformas devem ser concluídas Paciente do Sudão faz cirurgia robótica em Passo Fundo